Sertão Hoje

Sertão Hoje

Resultado da busca pela categoria "caraíbas"

Produtores de manga do Sudoeste baiano têm resultados positivos após consultoria do Sebrae

Quinta / 29.07.2021

Por Nayla Santos

A consultoria oferecida dentro do projeto Agronordeste, por meio do programa Sebraetec, atendeu 44 fruticultores nos últimos oito meses. (Foto: Divulgação / Sebrae)

Uma consultoria realizada pelo Sebrae nos últimos 8 meses trouxe benefícios para as próximas colheitas de produtores de manga. Desde outubro de 2020, os produtores recebem a consultoria Melhoria do Processo Produtivo Agrícola, oferecida dentro do projeto Agronordeste, por meio do programa Sebraetec. A ação contempla 44 fruticultores dos municípios da região de Livramento de Nossa Senhora, Dom Basílio, Ituaçu, Guanambi, Sebastião Laranjeiras e Urandi.

O objetivo principal da consultoria é analisar a cultura da região e pontuar melhorias no processo produtivo. Os consultores indicam soluções práticas para aprimorar a sanidade, combate às doenças que afetam as plantações e ainda promover um aumento da produtividade da cultura com uma maior qualidade do fruto.

Nessa primeira consultoria, foram atendidos, exclusivamente, produtores de manga da região Sudoeste. Por isso, foi desenvolvida uma metodologia específica para esse tipo de cultura. O Sebrae contou com a parceria das prefeituras municipais da região e ainda do Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial), que indicaram os produtores que se encaixavam no perfil da consultoria. Mensalmente, esses produtores receberam as visitas de agrônomos que analisavam os pomares e indicavam as medidas mais assertivas a serem tomadas para melhoria da produção.

O momento de iniciar a consultoria é determinante para a obtenção de resultados satisfatório, já que a manga é uma cultura “safreira”, na qual o fruticultor pode escolher em que época vai produzir. O trabalho nutricional e de tratos culturais, que impacta diretamente os resultados da próxima safra, deve ser realizado na fase vegetativa, iniciada após a colheita da safra anterior e a emissão da próxima panícula de florescimento. Nessa edição, a consultoria foi 100% subsidiada pelo Sebrae, que disponibiliza, por meio do Sebratec, soluções em inovação e tecnologia às empresas. Essas soluções promovem a melhoria de processos de produtos e serviços.
.

Arrecadação da CFEM na Bahia cresce 51% no primeiro semestre

Quinta / 29.07.2021

Por Brasil 61

Foram R$ 72 milhões de royalties da mineração nos seis primeiros meses de 2021. Esse é o quarto maior valor no Brasil. (Foto: Mina de Magnesita, em Brumado/BA)

A arrecadação da Compensação Financeira pela Exploração Mineral (CFEM) na Bahia cresceu 51% no primeiro semestre de 2021, em comparação com o mesmo período do ano passado. A informação é de balanço do Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM), feito com dados da Agência Nacional de Mineração (ANM).

Nos primeiros 6 meses deste ano, o recolhimento dos royalties da atividade mineradora no estado chegou a R$ 72 milhões frente aos R$ 39 milhões recolhidos no primeiro semestre do ano passado. Puxado pelo aumento no preço de commodities e minerais no mercado internacional e pela valorização do dólar em relação ao real, o resultado coloca a Bahia na quarta colocação na arrecadação da contribuição, atrás do Pará, Minas Gerais e Goiás.

Em todo país, a arrecadação da CFEM, segundo o presidente-executivo do IBRAM, Flávio Penido, mais do que dobrou no primeiro semestre de 2021, chegando a um valor de R$ 4,48 bilhões, o que representa um aumento de 111,7% com relação ao primeiro semestre do ano passado. No primeiro semestre de 2021, o faturamento da produção mineral na Bahia foi de R$ 4,1 bilhões, um aumento de 75% em comparação com o mesmo período do ano passado (R$ 2,4 bi). Esse montante equivale a 3% do valor do faturamento total da produção mineral brasileira no período. “Quatro ponto cinco [4,5] bilhões em um semestre é uma substancial contribuição para os cofres públicos, principalmente dos municípios. É fácil imaginar, pelos valores apontados, a série de investimentos que é possível fazer pelas prefeituras e isso, sem dúvida, leva a uma melhora do IDH [Índice de Desenvolvimento Humano] de cada município com esses investimentos”, declara Penido.

Rui Costa autoriza ampliação de serviço de reconhecimento facial e de placas para 77 municípios do interior; confira a lista

Quinta / 29.07.2021

Por Redação Sertão Hoje

O anúncio foi realizado na terça (27), em solenidade no COI, da SSP, em Salvador. (Fotos: Carol Garcia / GovBA)

Com um investimento de cerca de R$ 665 milhões, o Governo da Bahia irá ampliar o sistema de monitoramento de câmeras, voltado a identificação de criminosos, armas, placas de carros e atitudes suspeitas, para 77 municípios baianos do interior, sendo que 39 receberão ainda neste ano de 2021. O anúncio foi realizado nessa terça-feira, dia 27, pelo governador Rui Costa (PT), em solenidade no Centro de Operações e Inteligência (COI), da Secretaria de Segurança Pública (SSP), em Salvador.

• Confira a lista dos municípios contemplados no ‘leia mais’, ao final da matéria;

"Nós temos agora talvez a melhor tecnologia do país nesta área. Há cerca de 3 anos, implementamos um projeto piloto de reconhecimento facial na cidade de Salvador, fruto de visitas que fizemos à Europa e à China. Essa tecnologia serve para prevenir crimes, socorrer pessoas e para a funcionalidade da cidade. No projeto piloto tivemos absoluto êxito, inclusive durante os carnavais, com a prisão de mais de 200 pessoas e a elevação substantiva da atividade da Segurança Pública", afirmou o governador, que complementou ainda que a Bahia já conta com 23 centros de comunicação instalados, todos eles conectados. "O que muda é que, antes, a identificação era feita pelo policial, visualmente. Agora, o próprio sistema identifica criminosos, suspeitos, armas e placas de veículos", informou Rui, destacando, por fim, que apenas cerca de 5% dos crimes são julgados e se tornam condenações, além de convocar a iniciativa privada, dizendo que a tecnologia tem capacidade para integrar imagens de pontos comerciais, agências bancárias e outros locais de risco.

O tenente-coronel da Polícia Militar da Bahia (PM-BA), Marcos Oliveira, superintendente de Tecnologia da SSP, explicou como funciona a tecnologia. “Dentro do nosso contrato estão previstos 4 tipos de pontos de imagem. São câmeras de reconhecimento facial de fluxo aberto, para locais públicos, de fluxo controlado, tem câmeras de análise situacional e de leitura de placas. Além disso, os dispositivos que estão sendo colocados nas mãos dos nossos policiais são dispositivos com capacidade de fazer captura de face, levar para nossa Central, e fazer o reconhecimento facial através do nosso sistema. Todo policial, com equipamento em mãos, poderá fazer a atividade do reconhecimento facial em tempo real", explicou Oliveira, contando ainda que outra inovação contratada é a tecnologia LTE. "Essa tecnologia não é exclusiva da Segurança Pública, mas contratamos uma faixa exclusiva para a segurança pública, para transmissão de dados e imagens sem que seja necessário concorrer com o fluxo da telefonia. Tudo isso encriptado para dar ao policial na ponta a informação que ele precisa sem concorrer com a telefonia comum, que também usa essa tecnologia, mas em outras faixas".
.

O anúncio foi realizado na terça (27), em solenidade no COI, da SSP, em Salvador. (Fotos: Carol Garcia / GovBA)

Especialistas ressaltam atenção à saúde emocional dos alunos no retorno às aulas

Quarta / 28.07.2021

Por Felipe Moura e Flávio Macedo / Brasil 61

(Foto: Wilson Dias / Agência Brasil)

Mais do que a adoção de protocolos sanitários seguros, os gestores da educação de todo o País vão ter um desafio adicional na volta às aulas presenciais, que vai ocorrer em boa parte dos estados a partir de agosto: o acolhimento às crianças afastadas do ambiente escolar por causa da pandemia da Covid-19.

Na Bahia, por exemplo, nessa segunda-feira (26) os estudantes do Ensino Médio retornaram às aulas presenciais, com 50% da capacidade, no modelo híbrido. O Ensino Fundamental está marcado para retornar no próximo dia 09/08. A Ouvidoria Geral do Estado (OGE) disponibilizou diversos canais para que a comunidade escolar possa tirar dúvidas – confira mais aqui;

Silvia Lima, gerente de projetos do Instituto Ayrton Senna e especialista em Formação de Educadores, destaca que além do trabalho de recuperação do conteúdo pedagógico atrasado, os profissionais de educação e pais ou responsáveis devem dar atenção especial à saúde emocional dos alunos. “É fundamental olhar para o desenvolvimento e para a saúde mental dos estudantes. Olhar com carinho, realizar um acolhimento desses estudantes, de modo que eles possam se sentir seguros. É fundamental estarmos atentos às competências socioemocionais. Para além do cognitivo, os gestores precisam ficar bastante atentos e, ao pensar nesse retorno, realizar ações, um planejamento com intencionalidade que olhe para esses aspectos”, destaca.


Diálogo

Segundo Rafael Parente, PhD em educação pela Universidade de Nova York e ex-secretário de educação do Distrito Federal, “É importante que a gente converse bastante com as crianças e com os jovens também sobre a importância da escola, sobre como a escola é um ambiente bom, bacana, prazeroso, como é importante aprender, rever os amigos, poder conhecer coisas novas, poder crescer e sobre o prazer da aprendizagem.”

.

MP-BA ajuíza ação cível e denúncias criminais contra “posseiros” na Chapada Diamantina

Segunda / 26.07.2021

Por Cecom/MP-BA

As ações são por conta de degradações ambientais efetuadas no Parque Municipal do Boqueirão, no Vale do Capão, em Palmeiras, na Chapada Diamantina.

O Ministério Público estadual (MP-BA), por meio da Promotoria Regional Ambiental na Chapada Diamantina, denunciou criminalmente, na última quarta-feira (21), José Mariano Batista e Afonso Felinto Tomóteo por conta de degradações ambientais efetuadas por ambos na Unidade de Conservação – Parque Municipal do Boqueirão, no Vale do Capão, em Palmeiras, na Chapada Diamantina.

Segundo o promotor de Justiça Augusto César Carvalho de Matos, autor das denúncias, José Mariano Batista foi denunciado – confira aqui a integra - por invadir e ocupar ilegalmente uma área no interior do Parque Municipal do Boqueirão, além de atear fogo na vegetação de Mata Atlântica, causando danos à área de proteção ambiental. “Em 2018, o alegado posseiro ateou fogo no interior da Unidade de Conservação, provocando incêndio na Mata Atlântica existente, em área diversa das construções e intervenções inicialmente erigidas por ele, impedindo e dificultando a regeneração da vegetação nativa”, afirmou.

Já Afonso Felinto Timóteo foi denunciado criminalmente pelo MP – confira aqui a integra - em razão da prática de degradação ambiental consistente na abertura de uma estrada no interior do Parque, com supressão de vegetação nativa, além de ter dificultado a regeneração natural do bioma Mata Atlântica no início de 2019. “A materialidade do dano ambiental efetuado pelo alegado posseiro foi comprovada através de Nota Técnica do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), a qual dispõe que o denunciado suprimiu vegetação nativa no total de 525m² de área no interior da Unidade de Conservação e que um dos trechos em que a estrada chega, na beira do Rio Riachinho, houve supressão de vegetação nativa em sua área de preservação permanente”, destacou o promotor de Justiça.
.

Confira os municípios baianos que não registraram mortes por Covid-19 em julho

Sexta / 23.07.2021

Por Redação Sertão Hoje

Guajeru, na foto, faz parte da lista de municípios que estão sem registrar óbitos em decorrência da Covid-19 neste mês. (Foto: Divulgação)

Até quinta-feira (22), 202 municípios baianos não registraram óbitos decorrentes da Covid-19 neste mês de julho. Ao todo, a Bahia já conta com mais de 6 milhões e 150 mil pessoas já foram vacinadas, pelo menos com a 1ª dose – confira mais aqui;

Na avaliação do secretário da Saúde da Bahia (Sesab), Fábio Vilas-Boas, isso é uma vitória para a sociedade e reflexo da imunização. “A Bahia ultrapassou a marca de 6 milhões de vacinados com a 1ª dose ou dose única de imunizante contra Covid-19. Isso representa mais de 53% da população baiana com 18 anos ou mais. Outros indicadores positivos se apresentam, como uma queda de até 77% nas internações de pessoas acima de 60 anos, quando comparado os meses de março e junho deste ano”, destaca Vilas-Boas, complementando ainda que “os dados comprovam a eficácia da vacinação, mas isso só está sendo possível graças ao planejamento estadual na aquisição de insumos para a aplicação das vacinas e a logística de distribuição em até 24 horas para os 417 municípios. Os gestores municipais também estão de parabéns ao criarem estratégias para vacinar rapidamente.”

• Municípios que não registraram óbitos relacionados à Covid-19:

Abaíra, Abaré, Adustina, Aiquara, Alcobaça, Almadina, Amélia Rodrigues, América Dourada, Andaraí, Andorinha, Angical, Anguera, Antônio Cardoso, Antônio Gonçalves, Aporá, Apuarema, Araças, Araci, Aramari, Arataca, Baixa Grande, Banzaê, Barra, Barra do Choça, Barra do Rocha, Barro Alto, Barro Preto, Barrocas, Belmonte, Biritinga, Boa Vista do Tupim, Bom Jesus da Serra, Boninal Bonito, Brejões, Brejolândia, Buritirama, Caém, Caetanos, Cafarnaum, Cairu Caldeirão Grande, Camacan, Canápolis, Candiba, Canudos, Capela do Alto Alegre, Caraíbas, Caravelas, Cardeal da Silva, Castroalves, Catolândia, Caturama, Chorrochó, Coaraci, Conde, Contendas do Sincorá, Cordeiros, Coribe, Cotegipe, Cravolândia, Crisópolis, Cristópolis, Dário Meira, Dom Basílio, Dom Macedo Costa, Érico Cardoso, Esplanada, Fátima, Feira da Mata, Firmino Alves, Floresta Azul, Gavião, Gentio do Ouro, Governador Mangabeira, Guajeru, Guaratinga, Ibipeba, Ibiquera, Ibirapitanga, Ibirapuã, Ibirataia, Ibitiara, Ibititá, Ichu, Igaporã, Igrapiúna, Iguaí, Iraquara, Itacaré, Itagi, Itagibá, Itagimirim, Itaju do Colônia, Itambé, Itanagra, Itapé, Itapebi, Itapitanga, Itaquara, Itarantim, Itatim, Itororó, Ituaçu, Ituberá, Jacarac, Ijaguaripe, Jandaíra, Jiquiriçá, João Dourado, Jucuruçu, Jussara, Lagoa Real, Lajedinho, Lajedo do Tabocal, Lamarão, Lençóis, Licínio de Almeida, Macajuba, Macarani, Maetinga, Maiquinique, Malhada, Malhada de Pedras, Mansidão, Mascote, Matina, Milagres, Mirangaba, Mirante, Morpará, Mortugaba, Mulungu do Morro, Mundo Novo, Muniz Ferreira, Muquém de São Francisco, Nordestina, Nova Fátima, Nova Itarana, Nova Redenção, Nova Soure, Ouriçangas, Ourolândia, Palmeiras, Paramirim, Paratinga, Pedrão, Pedro Alexandre, Pilão Arcado, Pindaí, Pindobaçu, Pintadas, Piripá, Piritiba, Planaltino, Ponto Novo, Presidente Tancredo Neves, Quixabeira, Retirolândia, Riachão das Neves, Riachão do Jacuípe, Ribeira do Amparo, Ribeirão do Largo, Rio do Pires, Santa Bárbara, Santa Brígida, Santa Cruz Cabrália, Santa Cruz da Vitória, Santa Inês, Santa Teresinha, Santa Luz, Santo Amaro, São Félix, São Félix do Coribe, São Francisco do Conde, São Gabriel, São José da Vitória, São José do Jacuípe, Saubara, Saúde, Sebastião Laranjeiras, Senhor do Bonfim, Serra do Ramalho, Serra Dourada, Serra Preta, Sítio do Mato, Sítio do Quinto, Souto Soares, Tabocas do Brejo Velho, Tanquinho, Taperoá, Teofilândia, Terra Nova, Ubaitaba, Urandi, Utinga, Várzea da Roça, Várzea do Poço, Várzea Nova, Varzedo Vereda, Wagner.

Mega-Sena pode pagar R$ 7 milhões neste sábado (24)

Sexta / 23.07.2021

Por Redação Sertão Hoje

As apostas podem ser feitas até as 19h dos dias dos sorteios nas lotéricas ou portal/app Loterias CAIXA. O valor de uma aposta simples na Mega é de R$ 4,50.

A Mega-Sena pode pagar R$ 7 milhões neste sábado (24), pelo concurso 2.393. O sorteio será realizado a partir das 20h, no Espaço Loterias CAIXA, localizado no Terminal Rodoviário do Tietê, em São Paulo (SP), com transmissão ao vivo pelas redes sociais das Loterias CAIXA (perfil @LoteriasCAIXAOficial no Facebook e canal CAIXA no Youtube). As apostas podem ser feitas até as 19h dos dias dos sorteios nas lotéricas ou portal/app Loterias CAIXA. O valor de uma aposta simples na Mega é de R$ 4,50.

Transporte Escolar: Governador entrega ônibus para Botuporã, Jussiape, Malhada e mais 40 municípios baianos

Sexta / 23.07.2021

Por Redação Sertão Hoje

Os ônibus têm capacidade para 29 lugares e dispõem de DPM para embarque e desembarque de pessoas com mobilidade reduzida ou deficiência física. (Fotos: Carol Garcia / GovBA)

Na manhã dessa quinta-feira (22), o governador Rui Costa (PT), acompanhado do secretário da Educação do Estado (SEC-BA), Jerônimo Rodrigues, realizou mais uma entrega de ônibus escolares para prefeituras baianas, beneficiando 43 ônibus e 12 territórios de identidade. O ato de entrega foi na sede da SEC-BA, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador, onde estiveram presentes representantes de cada município contemplado. São 43 ônibus modelo ORE 1 (Ônibus Rural escolar), com capacidade para 29 lugares. Todos os veículos dispõem de Dispositivo de Poltrona Móvel (DPM) para embarque e desembarque de pessoas com mobilidade reduzida ou deficiência física.

O investimento para a aquisição desses veículos foi de aproximadamente R$ 12 milhões. Para o governador, esses ônibus requalificam o transporte escolar em todo o estado, principalmente, neste momento de retomada das aulas presenciais. "Esses veículos dão um suporte importante aos alunos, principalmente para aqueles que mais precisam e que moram longe da sua escola. Esses são os que mais precisam das aulas presenciais, muitas vezes pela falta de infraestrutura em suas casas, a falta de internet, computador ou smartphone para acompanhar as aulas remotas. Por isso, estamos dando continuidade nestas entregas aos municípios e ajudando as famílias a não perderem a esperança na Educação como instrumento transformador de suas vidas", afirmou Rui Costa.

Os municípios contemplados são Antônio Cardoso, Aratuípe, Biritinga, Botuporã, Cachoeira, Camamu, Campo Alegre de Lourdes, Catolândia, Cocos, Dom Macedo Costa, Euclides da Cunha, Firmino Alves, Ibicuí, Ichu, Igrapiúna, Iguaí, Ipecaetá, Itacaré, Itapé, Itapetinga, Itarantim, Itororó, Jaguarari, Jaguaripe, Jussiape, Macururé, Malhada, Monte Santo, Nazaré, Palmas de Monte Alto, Pedro Alexandre, Pilão Arcado, Quijingue, Rodelas, Salina das Margaridas, São Gonçalo dos Campos, São José da Vitória, São Sebastião do Passé, Sátiro Dias, Simões Filho, Sobradinho, Teodoro Sampaio e Vera Cruz.

CAIXA vai abrir 268 novas unidades bancárias até o fim do ano

Quarta / 21.07.2021

Por Paloma Custódio / Brasil 61

Com as aberturas, o banco estará presente em todos os municípios brasileiros com mais de 40 mil habitantes. (Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil)

A Caixa Econômica Federal anunciou a abertura de 268 novas unidades bancárias em todo o país até o final de 2021. Do total, 168 serão unidades de varejo, voltadas para todos os tipos de clientes, e 100 serão dedicadas ao agronegócio. Com as aberturas, o banco estará presente em todos os municípios brasileiros com mais de 40 mil habitantes.

Entre as unidades do varejo, 70 serão abertas na Região Nordeste, sendo 24 no Maranhão, 17 no Ceará, 11 em Pernambuco, 8 na Paraíba, 4 na Bahia, 2 no Piauí, 2 no Rio Grande do Norte, 1 em Sergipe e 1 em Alagoas. Já na Região Norte, serão abertas 50 unidades, sendo 28 no Pará, 14 no Amazonas, 4 em Rondônia e 2 no Amapá.

No Sudeste, estão previstas 30 novas unidades: 13 em São Paulo, 7 em Minas Gerais, 7 no Rio de Janeiro e 3 no Espírito Santo. No Centro-Oeste, serão mais 14 unidades: 7 no Mato Grosso, 5 no Mato Grosso do Sul e 1 em Goiás. E no Sul, a Caixa vai abrir quatro unidades de varejo, sendo 2 em Santa Catarina, 1 no Paraná e 1 no Rio Grande do Sul.

As unidades bancárias voltadas ao agronegócio serão abertas em todos os estados brasileiros. A primeira agência foi inaugurada no início de julho no município de Dourados (MS).

MDR reconhece situação de emergência em Muquém do São Francisco

Quarta / 21.07.2021

Por Redação Sertão Hoje

Além de Muquém do São Francisco (na foto), o município baiano de Curaça também obteve o reconhecimento da situação de emergência devido à estiagem.

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), por meio da Defesa Civil Nacional, reconheceu a situação de emergência nos municípios baianos de Curaçá e de Muquém do São Francisco devido à estiagem. Pelo mesmo motivo, Janduís (RN), Abdon Batista (SC), e Saudade do Iguaçu (PR) também obtiveram o reconhecimento federal, enquanto em Paulistana (PI) o reconhecimento foi motivado pela seca. Em situação oposta, os municípios de Codajás (AM) e Novo Airão (AM) sofrem com inundações e Diamante D’Oeste (PR) encontra-se em situação de emergência devido às geadas. A decisão foi publicada na edição desta terça-feira (21) do Diário Oficial da União (DOU).

Com o reconhecimento federal, o município pode solicitar recursos para atendimento à população atingida, restabelecimento de serviços essenciais e reconstrução de equipamentos de infraestrutura danificados pelo desastre. Com base nas informações enviadas por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2iD), a equipe técnica da Defesa Civil Nacional avalia as metas e os valores solicitados. Com a aprovação, é publicada portaria no DOU com a especificação do valor a ser liberado.

Campanha Força Solidária: 4ª CIPM está arrecadando alimentos para famílias vulneráveis

Terça / 20.07.2021

Por Redação Sertão Hoje

A 46ª CIPM orienta ao doador que “higienize as embalagens dos alimentos não perecíveis e, no momento da entrega, esteja usando a máscara”. (Foto: Divulgação / 46ª CIPM)

Nessa segunda-feira (19), a 4ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) lançou a Campanha Força Solidária, visando à arrecadação de alimentos não perecíveis que serão doados a famílias que vivem em situação de vulnerabilidade social. A Companhia orienta ao doador, que devido à pandemia de Covid-19, “higienize as embalagens dos alimentos não perecíveis e, no momento da entrega, esteja usando a máscara”.

As doações poderão ser entregues na sede da 4ª CIPM, na sede dos Departamentos de Polícia Militar (DPM), das 8h às 17h. Aqueles que não puderem ir até algum DPM, o doador pode contatar os PMs pelos números abaixo, que uma viatura buscará os alimentos. A campanha vai até o dia 25 de agosto.

NÚMEROS E LOCAIS DE ARRECADAÇÃO:

• 4ª CIPM, em Macaúbas - (77) 99974-4201;

• DPM de Oliveira dos Brejinhos - (77) 99974-3905;

• DPM de Ibipitanga - (77) 99974-4225;

• DPM de Boquira - (77) 99974-4367;

• DPM de Açude - (77) 99988-4501.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por 4ª CIPM Macaúbas (@4cipm_macaubas)

De Caculé, ONG Jardim das Borboletas ajuda crianças por todo o Brasil portadoras de Epidermólise Bolhosa; saiba como ajudar

Terça / 20.07.2021

Por Redação Sertão Hoje

Segundo a OMS existem 19 casos para cada milhão de pessoas no mundo, aproximadamente 500 mil pessoas. No Brasil são registrados 1.600 casos.

Você já ouviu falar em crianças borboletas?

São crianças que nascem com Epidermólise Bolhosa (EB), que é uma doença genética, grave, não contagiosa e incurável, causada por um defeito genético nas estruturas que unem as duas camadas de pele, a derme e epiderme, o que acarreta em uma sensibilidade aguda na pele e das membranas mucosas. A falta de produção de colágeno dos portadores da EB faz com que qualquer pequeno atrito ou trauma causem lesões semelhantes a das queimaduras. A principal característica é o aparecimento de bolhas nas áreas do corpo de maior exposição. A doença se manifesta, na maioria das vezes, no nascimento, com sintomas variados e que costumam piorar ao longo do tempo. A doença causa também lesões internas acometendo o trato digestivo, da boca ao reto, além de causar outras complicações, como a atrofia de membros (pés, mãos e braços); lesões em olhos e na boca, com perda dos dentes; câncer de pele, alopecia, dentre outros. Levando em consideração que atualmente a EB é uma doença sem cura, os cuidados das feridas e reconhecimento precoce das complicações são essenciais para o seu tratamento adequado. O custo do tratamento de um paciente com EB varia conforme a gravidade/quantidade de feridas externas e internas. O Ministério da Saúde catalogou mais de 30 tipos da doença e estima-se que a Epidermólise Bolhosa acometa 500 mil pessoas no mundo. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS) existem 19 casos para cada milhão de pessoas. No Brasil são registrados 1.600 casos.


O Jardim das Borboletas

A doença requer um tratamento custoso, difícil, inacessível para muitos, podendo chegar a R$ 50 mil reais por mês. Além disso, quando não ocorre precocemente e de maneira adequada, pode causar morte já nos primeiros anos de vida. A Organização Não Governamental (ONG) Jardim das Borboletas surgiu em 2017 com o intuito de assistir às pessoas acometidas com Epidermólise Bolhosa em suas necessidades, proporcionando lhes mais qualidade de vida. O Jardim oferece amor, assistência em saúde, acompanhamento multidisciplinar, orientações, cuidados, encaminhamentos, apoio familiar, doações diversas e tudo mais para que o portador EB tenha os seus sofrimentos amenizados e os seus direitos garantidos. Atualmente, 100 borboletas fazem parte desse Jardim, que existe e exerce um trabalho grandioso totalmente por meio de doações, sem apoio de qualquer instituição pública.

O Jardim das Borboletas tem sede em Caculé, no sudoeste da Bahia, e atua em 20 Estados do país e também no Distrito Federal. Ao todo, 100 crianças carentes portadoras da Epidermólise Bolhosa são assistidas. Hoje, a ONG conta com 22 colaboradores diretos (funcionários) e milhares indiretos, “que são os responsáveis pela concretização e continuidade desse lindo trabalho em prol das pessoas borboletas”. Nesses 4 anos, o Jardim das Borboletas tem 100% dos seus custos arcados unicamente por meio de doações diversas, vindas de todas as partes do mundo. “Uma causa que felizmente toca pessoas de bom coração, que acreditam em um mundo solidário e justo”.
 

Biometria alcança 80% do eleitorado do país

Sábado / 17.07.2021

Por Cristiano Ghorgomillos / Brasil 61

117,5 milhões de eleitores já realizaram o cadastro biométrico. Durante a pandemia, o cadastro biométrico foi suspenso. (Foto: Roberto Jaime / TSE)

A tecnologia de leitura biométrica das urnas eletrônicas já alcança mais de 80% do eleitorado brasileiro. A Justiça eleitoral atingiu o número de 117,5 milhões de cadastro biométrico e, de acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), 16 estados já concluíram totalmente o cadastro dos eleitores na tecnologia. Durante a pandemia da Covid-19, o cadastro biométrico de eleitores foi suspenso, no entanto, nenhum eleitor será prejudicado e poderá votar normalmente nas eleições.

O atendimento presencial de eleitores foi remanejado para a internet, na página Título Net. No canal é possível tirar dúvidas e saber a situação cadastral do título de eleitor. Para as pessoas que não dispõe de acesso na internet, o TSE orienta entrar em contato com os tribunais regionais, nos estados, por telefone.

A expectativa da Justiça Eleitoral é que todos os eleitores do país estejam com a biometria cadastrada até o ano de 2025. O trabalho pode ser dinamizado por meio de parcerias que o TSE pode firmar com órgãos de identificação civil estaduais e municipais para troca de informações, como as digitais dos eleitores. Além disso, o TSE tem um acordo de cooperação com a Presidência da República para fortalecer o sistema de identificação integrado.

Bahia: bancários são incluídos no grupo prioritário para vacinação contra Covid-19

Sábado / 17.07.2021

Por Redação Sertão Hoje

A decisão da Comissão Intergestores Bipartite da Bahia foi divulgada em caráter de urgência. (Foto: Divulgação)

A Comissão Intergestores Bipartite da Bahia (CIB), que é uma instância deliberativa da saúde e reúne representantes dos 417 municípios baianos e do Governo Estadual, incluiu bancários e correspondentes bancários no grupo prioritário no Plano de Imunização contra a Covid-19. Após diversas mobilizações de sindicatos e federações nos Estados e municípios, o Comando Nacional se reuniu com representantes do governo Federal e, na última quarta-feira (14), o Ministério da Saúde divulgou a nota técnica que confirmou a incorporação de bancários e trabalhadores dos Correios no Plano Nacional de Imunização (PNI). No documento ficou estabelecido pelo Ministério que 20% do total de doses de vacinas distribuídas devem ser destinadas para a vacinação dos grupos prioritários.

Desde o início da pandemia o serviço bancário foi considerado essencial pelo governo Federal e com isso bancárias e bancários seguiram atuando em seus postos de trabalho durante todo esse período. “A partir da divulgação destes dois documentos oficiais, se esgota qualquer argumento que justifique os municípios não iniciarem a vacinação deste grupo”, destaca o Sindicato dos Bancários de Vitória da Conquista e Região (SEEB/VCR), ressaltando ainda que “Em um cenário de agências lotadas, apenas no primeiro trimestre de 2021 foram registrados 152 desligamentos por mortes na categoria bancária, alta de 176,4% na comparação com 2020, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados – Caged.”

Em março o SEEB/VCR iniciou a campanha na região com mobilizações junto ao poder público dos municípios da base territorial da entidade. Dos municípios que fazem parte da base do SEEB/VCR, Anagé, Iguaí, Itarantim, Macarani, Maiquinique, Nova Canaã, Tanhaçu e Barra do Choça, já confirmaram o início da vacinação contra Covid-19 dos bancários.

ENEM 2021: Prazo de inscrição termina nesta quarta-feira (14)

Quarta / 14.07.2021

Por Redação Sertão Hoje

A taxa de inscrição para os não isentos é de R$ 85. (Foto: Divulgação / Inep)

Termina nesta quarta-feira (14) o prazo para inscrição no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021. Os interessados devem acessar o site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) para se inscrever. A taxa de inscrição para os não isentos é de R$ 85.

As provas serão aplicadas nos dias 21 e 28 de novembro, tanto a versão digital quanto a impressa. As duas versões também terão a mesma estrutura de prova: 4 cadernos de questões e a redação. Cada prova terá 45 questões de múltipla escolha, que, no caso do Enem Digital, serão apresentadas na tela do computador. Já a redação será realizada em formato impresso, nos mesmos moldes de aplicação e correção da versão em papel. No primeiro dia, serão aplicadas as provas de linguagens, códigos e suas tecnologias, e ciências humanas e suas tecnologias, além da redação. A aplicação regular terá cinco horas e 30 minutos de duração. No segundo dia, as provas serão de ciências da natureza e suas tecnologias, e matemática e suas tecnologias. Nesse caso, a aplicação regular terá cinco horas de duração.