Ituaçu: Prefeito participa de sessão solene e comenta algumas ações da sua gestão

Sexta / 17.02.2017

Por Leonardo Oliva

O gestor aproveitou para comentar algumas medidas adotadas pela sua gestão e destacou algumas conquistas deste início de mandato (Foto: Leonardo Oliva/Sertão Hoje).

O Prefeito Adalberto Luz participou da sessão solene de abertura dos trabalhos legislativos da Câmara de Vereadores de Ituaçu, realizada na manhã de hoje (17). Na oportunidade, o novo gestor aproveitou para comentar algumas medidas adotadas pela sua gestão e destacou algumas conquistas deste início de mandato.

TAXA DE VISITA DA GRUTA - Sobre a mudança no sistema de cobrança da taxa para visitar a Gruta da Mangabeira, Adalberto enfatizou que o valor cobrado antes era de R$ 0,80 e que a nova gestão subiu para R$ 4,00. Segundo ele, o valor ainda é muito baixo considerado o valor da taxa cobrada em outros lugares da Chapada Diamantina, citando como exemplo a cachoeira do buracão, onde o turista paga R$ 35,00/pessoa para visitar. O gestor ainda destacou que a Gruta da Mangabeira é visitada por 300 mil pessoas/ano e que a meta da sua gestão é chegar a 500 mil pessoas/ano, o que pode representar uma receita de até R$ 2 milhões/ano para o município. 'São recursos para serem investidos não só no setor do turismo, mas em diversos outros setores', afirmou o prefeito.

DECRETO DE CALAMIDADE PÚBLICA - Sobre o Decreto de Calamidade Pública, editado e já revogado pela sua gestão, o prefeito Adalberto Luz disse que foi necessário em razão de diversos fatores, mas que nenhuma medida lesiva ao patrimônio público foi tomada. Entre as razões citadas pelo prefeito para instituir o Decreto, está o surto do mosquito causador da dengue, que demandou a realização de um mutirão de limpeza de terrenos baldios e a contratação de um carro fumacê. Adalberto destacou ainda que, a partir de agora, vai começar a exigir dos proprietários de terrenos que mantenham os mesmos limpos e livres de focos do mosquito da dengue.

REORGANIZAÇÃO DA FEIRA LIVRE - Sobre a reorganização da Feira Livre, o prefeito Adalberto Luz afirmou que a sua intenção foi organizar o local, aproveitando o ensejo para pedir desculpas às pessoas que já tinham costume de armar barraca em determinado local, mas tiveram que mudar em razão da nova organização. Ainda segundo o gestor, a administração municipal manteve contato com os comerciantes de Tanhaçu, que segundo ele montam verdadeiros supermercados durante a feira livre, para pedir aos mesmos que aluguem pontos comerciais em Ituaçu e não façam mais isto. Segundo Adalberto, a administração municipal não vai permitir que produtos sejam vendidos de forma imprópria, sem refrigeração e que, se for preciso, a vigilância sanitária terá que agir. Segundo o prefeito, a gestão municipal não pode permitir que estes comerciantes queiram somente levar a renda de Ituaçu e não gerem dividendos para o município.

 O prefeito falou ainda sobre algumas conquistas deste início de gestão, a exemplo dos 24.000 metros de tubos conseguidos juntos ao DNOCS para levar água para comunidades rurais. Ele destacou ainda que já participou de audiência com o Governo do Estado, onde conseguiu apoio para o Hospital Municipal, que vai ganhar sala de parto de unidade de atendimento pediátrico. Na oportunidade, o gestor solicitou ainda a construção de uma nova delegacia de polícia, calçamento de ruas, reforma do asfalto que liga Ituaçu a Tanhaçu e dez quilômetros de asfalto para pavimentar o acesso a comunidades rurais.