Sertão Hoje

Sertão Hoje

Colunistas

Dário Teixeira Cotrim

Membro da Academia Montes-clarense de Letras e do Instituto Histórico e Geográfico de Montes Claros. Também é ele o atual diretor da Biblioteca Pública de Montes Claros

A CONDUÇÃO COERCITIVA DO LULA

A condução coercitiva de Luiz Inácio Lula da Silva, decretada pelo Juiz Federal, doutor Sérgio Moro, da Polícia Federal do Paraná, é apenas o inicio do que poderá advir nos próximos dias deste mês. Não adiantou muito a quebra de braço do ex-presidente Lula com a justiça brasileira, fazendo chacota com o Ministério Público do Estado de São Paulo quando ele não se dispôs em atender o promotor de justiça Cassio Conserino, procurando, assim, de todos os meios não com parecer na oitiva previamente marcada. Tudo isso com receio de ser preso, evidentemente!

Neste caso a coercitividade se fez muito necessário, fato que não agradou os políticos do PT e nem os seus simpatizantes. Foi por isso que a presidente Dilma Rousseff se apresou em defender o ex-presidente Lula do constrangimento sofrido e, por outro lado ela atacou, furiosamente, o seu atual desafeto, o senador Delcídio do Amaral. É importante notar que a viagem de Dilma Rousseff à São Paulo para prestigiar o ex-presidente Lula, foi paga com o dinheiro do povo, dinheiro esse que certamente irá fazer falta na saúde, onde os enfermos estão morrendo nos hospitais sem o atendimento necessário e digno para o ser humano. Dilma Rousseff ainda disse sobre o episódio envolvendo o ex-presidente Lula “que houve uma violência injustificável”. Coitada da guerrilheira Dilma Rousseff. Será que há violência mais injustificada do que aquela que se pratica nos hospitais por falta de verbas? Claro que não!

Se a Polícia Federal está no encalço de Lula é porque há denuncia contra ele. Os petistas, ao invés de ficar lamentando a condução coercitiva de Lula, deveriam denunciar os políticos da oposição de crimes passados, com provas e indícios dos mesmos. Entretanto, eles ficam incentivando confrontos de militantes nas ruas, agravando a violência que já está sem controle e prejudicando a ordem em todos os sentidos. Aliás, Rui Falcão, Jaques Wagner, Sibá Machado, Afonso Florence e tantos outros em nada a ação militante deles contribui para salvar a nação brasileira do caos em que vive. Em nota para o povo, o juiz Sérgio Moro lamentou os confrontos organizados pelo PT e disse, ainda, que a condução coercitiva de Luiz Inácio Lula da Silva não significa a antecipação de culpa.

Pois bem, o dia “D” está chegando. As ameaças dos filhos do Lula e do capanga-general João Pedro Stédile não serão motivos para acovardamento. Vamos, sim, ocupar às ruas no dia 13 de março. Vamos, sim, levar para o povo a nossa indignação e espalhar esperança de um novo tempo. Lula na cadeia talvez não fosse o ideal. Se ele fugisse com toda a sua família, levando inclusive o sítio de Atibaia e o triplex do Guarujá para a ilha de Cuba seria o ideal. Mas, ele vai ficar mesmo é preso na Papuda, em Brasília, juntamente com os seus amigos que lá já estão por algum tempo.