Sertão Hoje

Sertão Hoje

Resultado da busca pela categoria "xique-xique"

Prorrogado o prazo de inscrição para o processo de ingresso em cursos técnicos do IF Baiano

Quarta / 06.11.2019

Por Redação Sertão Hoje

São mais de 3 mil vagas em cursos técnicos das formas Integrada ou Subsequente ao ensino médio, disponíveis em 14 municípios. (Foto: Reprodução / IF Baianos)

Os interessados em estudar no IF Baiano têm até o próximo domingo (10) para fazer a inscrição no processo de ingresso para cursos técnicos. São mais de 3 mil vagas em cursos técnicos das formas Integrada ou Subsequente ao ensino médio, disponíveis nas 14 unidades do IF Baiano nos municípios de Alagoinhas, Bom Jesus da Lapa, Catu, Governador Mangabeira, Guanambi, Itaberaba, Itapetinga, Santa Inês, Senhor do Bonfim, Serrinha, Teixeira, Uruçuca, Valença e Xique-Xique.

Os cursos técnicos na forma Integrada ao Ensino Médio são destinados a candidatos que concluíram ou estão concluindo o Ensino Fundamental ou equivalente. Neste caso, o estudante faz o ensino médio e o profissionalizante juntos dentro do IF Baiano. Já os cursos técnicos na forma Subsequente são para quem já concluiu, ou está perto de concluir, o Ensino Médio. Para se inscrever, os interessados devem acessar o site do IF Baiano e preencher o cadastro on-line. O candidato poderá optar por até duas opções de curso, indicando a ordem de preferência, e escolher campus, semestre de oferta e turno para cada uma das opções. A taxa de inscrição é no valor de R$ 30.

Os inscritos irão realizar o Exame de Conhecimentos no dia 1º de dezembro, no turno vespertino, nas cidades em que o IF Baiano possui campus. Os exames terão 40 questões objetivas das áreas de Língua Portuguesa, Matemática, Ciências Humanas e Suas Tecnologias e Ciências da Natureza e Suas Tecnologias. O conteúdo programático e demais informações sobre a prova, estão disponíveis nos editais.

Para os cursos da forma Integrada, 70% das vagas são reservadas a estudantes oriundos de escolas públicas, 25% para ampla concorrência e 5% para pessoa com deficiência. Para os cursos da forma Subsequente, reserva de vagas é 50% para estudantes oriundos de escola pública, 45% ampla concorrência e 5% para pessoa com deficiência. Mais informações sobre cursos e vagas estão dispostas no Edital 108/2019, para cursos da forma Integrada, e no Edital 109/2019, para cursos da forma Subsequente. Ou acesse o Manual do Candidato.

CIPE Semiárido erradica 40 mil pés de maconha em dois dias

Sábado / 10.08.2019

Por Redação Sertão Hoje

"Evitamos que os traficantes comercializassem cerca de 10 toneladas de maconha", explicou o Major PM Carlos Maltez. (Foto: Divulgação / SSP-BA)

Mais de 40 mil pés de maconha foram erradicados pela CIPE Semiárido em dois dias. Os flagrantes aconteceram na localidade de Areia Branca, na zona rural do município de Xique-Xique. Segundo informações da Secretária de Segurança Pública (SSP-BA), os PMs conseguiram os flagrantes por meio de denúncias anônimas, patrulhamentos e ações de acompanhamento resultaram nas localizações seguidas dos plantios. Na primeira ocorrência, na quarta-feira (07) os militares destruíram 35 mil pés e na tarde da quinta-feira (08) foram mais 5.250 unidades de entorpecentes erradicados. "Somando os flagrantes evitamos que os traficantes comercializassem cerca de 10 toneladas de maconha. Seguimos agora à procura dos responsáveis pelas plantações", disse o comandante da CIPE Semiárido, Major PM Carlos Maltez.

(Foto: Divulgação / SSP-BA)

Codevasf e estudantes introduzem 60 mil alevinos no Médio São Francisco baiano

Quinta / 13.06.2019

Por Redação Sertão Hoje

A Companhia já havia promovido a soltura de outros 80 mil peixes no Dia Nacional em Defesa do Velho Chico. (Foto: Divulgação / Codevasf)

A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) realizou dois peixamentos neste mês de junho que introduziram 60 mil alevinos de curimatá, espécie nativa do rio São Francisco, nos município de Bom Jesus da Lapa e Xique-Xique.

As duas ações contaram com a presença de estudantes e em cada uma delas foram disponibilizados 30 mil alevinos de curimatá. Em Bom Jesus da Lapa, a ação aconteceu nesta terça-feira (11), na localidade da Barrinha. A ação foi realizada em parceria com a Colônia de Pescadores e Aquicultores Z-32 e com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano (IF Baiano), ambos em Bom Jesus da Lapa.

Estudantes do curso técnico em agricultura soltaram os peixes no rio, juntamente com os pescadores, seguindo as instruções de Rodrigo Bernardes, técnico da Codevasf. “O peixamento é uma atividade de revitalização do rio São Francisco. A ação da Codevasf visa recuperar não só a natureza, mas também beneficiar toda a comunidade que vive no entorno do rio, com a futura comercialização dos peixes, garantindo o sustento, ou com o consumo próprio, promovendo a segurança alimentar”, disse Rodrigo Bernardes.
 

A Codevasf ressaltou que a ação teve caráter educacional para mostrar a importância de uma consciência ambiental, para a preservação da natureza. (Foto: Divulgação / Codevasf)

Codevasf solta peixes ao longo do Rio São Francisco no Dia Nacional do Velho Chico

Quarta / 05.06.2019

Por Redação Sertão Hoje

A Codevasf introduziu cerca de 30 mil alevinos de curimatá, espécie nativa, e distribuiu 50 mil aos municípios de Paratinga, Igaporã e Santa Maria da Vitória. (Foto: Codevasf)

O Dia Nacional em defesa do Velho Chico, o rio São Francisco, foi celebrado neste domingo (03). Em Bom Jesus da Lapa, na região do Médio São Francisco baiano, aconteceram diversas ações do movimento “Sou mais Velho Chico”. A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) participou do evento, realizando um peixamento que introduziu cerca de 30 mil alevinos de curimatá, espécie nativa, no rio São Francisco.

Segundo a Codevasf, os peixes foram produzidos no Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura (2ª/CIRPA), localizado em Xique-Xique, que é ligado à 2ª Superintendência Regional, sediada em Bom Jesus da Lapa. A Codevasf distribuiu ainda 20 mil alevinos aos municípios de Paratinga e de Igaporã e mais 10 mil a Santa Maria da Vitória, ao todo, foram soltos 80 mil alevinos, sendo 30 mil da espécie curimatá e outros 50 mil de tilápia.

Codevasf e Exército realizam obras de revitalização do Rio São Francisco

Quarta / 27.02.2019

Por Redação Sertão Hoje

Novas ações de contenção de processos erosivos no rio São Francisco devem ter início no ano de 2019, através de um convênio de R$ 18 milhões firmado entre a Codevasf e a Cerb.

A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), em parceria com o Exército Brasileiro, por meio do 4º Batalhão de Engenharia de Construção (BEC), está realizando serviços para a contenção de processos erosivos em um trecho de 2,8 km às margens do rio São Francisco, na localidade de Porto Novo, no município baiano de Barra. O investimento é de cerca de R$ 9 milhões, viabilizados em um termo de execução descentralizada firmado entre as instituições.

“O local é um dos diversos pontos críticos ao longo do São Francisco com relação à erosão, e a ação é fundamental para diminuir os processos erosivos e revitalizar, de modo que a população venha a usufruir melhor do rio. As enchentes durante o ano, geralmente de novembro a fevereiro, vão provocando os processos erosivos. Então, a gente faz o talude que promove uma espécie de suavização desse barranco formado, de modo a diminuir essa erosão”, explica o 2º Tenente Carlos, engenheiro civil do 4º BEC.

Segundo a Codevasf, uma das principais finalidades dessas intervenções de recuperação ambiental e de controle de processos erosivos ao longo do rio São Francisco é captar e acumular águas pluviais, aumentando, assim, a infiltração no solo e promovendo o abastecimento dos lençóis freáticos. Os serviços também ajudam a reduzir o escoamento superficial de água, o que evita o arraste de sedimentos, o empobrecimento do solo e o assoreamento dos cursos d’água.
 

PM faz doação de fraldas geriátricas e brinquedos em Xique-Xique e Irecê

Domingo / 30.12.2018

Por Redação Sertão Hoje

“Todo material arrecadado foi doado pelos policiais militares que ficaram muito motivados e alegres em poder ajudar o próximo”, explica o Major PM Carlos Maltez. (Foto: PM-BA)

A Companhia Independente de Policiamento Especializado (CIPE) Semiárido realizou uma ação solidária de Natal nas cidades de Xique-Xique e Irecê, na tarde de segunda-feira (24). A ação contou com doações de fraldas geriátricas para sete famílias carentes no bairro BNH, na cidade de Xique-Xique, e presentes para mais de 100 crianças dos povoados de Umbuzeiro e Fazenda Nova, em Irecê.

“Não somos apenas o braço forte do Estado, somos também a mão amiga. Realizar ações como esta enche nossos corações de alegria. Todo material arrecadado foi doado pelos policiais militares que ficaram muito motivados e alegres em poder ajudar o próximo”, explica o Major PM Carlos Maltez, comandante da CIPE Semiárido.

Codevasf distribui cerca de 270 mil alevinos para piscicultores de 12 municípios do Médio São Francisco baiano

Quarta / 26.12.2018

Por Redação Sertão Hoje

De acordo com a Companhia, aproximadamente 900 famílias espalhadas em 70 comunidades foram beneficiadas. (Fotos: Divulgação / Codevasf)

Neste mês de dezembro, a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) entregou cerca de 270 mil alevinos de tilápia, tambaqui e tambacu para associações comunitárias, piscicultores e prefeituras de 12 municípios da região. A ação visa o oferecimento de alternativa de trabalho e renda às comunidades rurais que convivem com a seca prolongada.

De acordo com a Companhia, aproximadamente 900 famílias espalhadas em 70 comunidades dos municípios de Bom Jesus da Lapa, Candiba, Ibotirama, Igaporã, Macaúbas, Matina, Paratinga, Riacho de Santana, Palmas de Monte Alto, Santa Maria da Vitória, Serra do Ramalho e Sítio do Mato foram beneficiadas pela ação.

Do total de alevinos entregues, cerca de 70 mil foram produzidos no Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura (2ª/CIRPA), localizado em Xique-Xique, no Médio São Francisco baiano, que é ligado à 2ª Superintendência Regional da Codevasf, sediada em Bom Jesus da Lapa. Os outros cerca de 200 mil alevinos entregues na ação de inclusão produtiva foram conseguidos graças a uma parceria com a Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura (Seagri), por meio da Bahia Pesca. Os alevinos foram produzidos na estação da Bahia Pesca.  “Esse trabalho com os peixamentos tem uma importância muito grande, pois promove uma importante alternativa de alimento e renda para tanta gente, que vive principalmente nas zonas rurais dos seus municípios. É interessante e gratificante acompanhar que muitos já conseguiram se estruturar e mudar a própria condição de vida graças a esse tipo de ação”, diz Isabel Denis, técnica da Unidade de Desenvolvimento Territorial da Codevasf em Bom Jesus da Lapa.

Codevasf participa de ação que garante sobrevivência de cerca de 120 mil peixes nativos no Médio São Francisco baiano

Sexta / 30.11.2018

Por Redação Sertão Hoje

As lagoas marginais possuem uma importância na manutenção dos peixes do rio São Francisco, pois elas são os berçários naturais dessas espécies. (Fotos: Codevasf)

Cerca de 120 mil peixes de espécies nativas da bacia do Rio São Francisco tiveram a sobrevivência assegurada na região do Médio São Francisco baiano graças às operações de resgate em lagoas marginais e soltura em áreas mais preservadas.

A Codevasf (Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco e Parnáiba), por meio da 2ª Superintendência Regional, em Bom Jesus da Lapa, e do Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura de Xique-Xique, participa da ação que envolve outras instituições, como a Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Xique-Xique, o Ibama e a Universidade do Estado da Bahia (Uneb).

As ações de resgate foram realizadas desde setembro em diversas lagoas, incluindo a Lagoa da Itaparica, uma das mais importantes da região. Foram resgatadas várias espécies nativas do complexo lagunar do município de Xique-Xique, como surubim, curimatã, sarapó  e mandi.

As lagoas marginais possuem uma importância na manutenção dos peixes do rio São Francisco, pois elas são os berçários naturais dessas espécies. “O trabalho consiste em retirar as espécies das lagoas que estão secando e soltá-las em áreas mais preservadas, que oferecem maiores chances de sobrevivência e perpetuação da espécie. Devido ao maior período de estiagem registrado ao longo da história do semiárido nordestino, além de outras atividades antrópicas, muitas lagoas estão secando cada vez mais rápido, o que reflete diretamente na ictiofauna do rio São Francisco”, explica Antonio do Nascimento, chefe do Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura de Xique-Xique.
 

Estão abertas as inscrições para cursos técnicos do IF Baiano; 2.855 vagas para Bom Jesus da Lapa, Guanambi, Itapetinga e mais 11 municípios

Domingo / 02.09.2018

Por Redação Sertão Hoje

70% das vagas oferecidas são reservadas para os estudantes que cursaram o ensino fundamental integralmente na rede pública de ensino. (Foto: Divulgação / IF Baiano)

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano oferece 2.855 vagas para o ingresso de estudantes em cursos técnicos integrados com o ensino médio ou apenas o técnico subsequente, ambos gratuitos, para 2019, voltados para estudantes de 14 municípios. As inscrições são gratuitas e começaram hoje (03) e se estendem até o dia 3 de outubro. Conforme o Instituto, a inscrição no processo seletivo acontecerá em duas etapas: a primeira pelo portal da instituição (concurso.ifbaiano.edu.br) ou presencialmente na sede do IF Baiano, nos municípios de Alagoinhas, Bom Jesus da Lapa, Catu, Guanambi, Governador Mangabeira, Itaberaba, Itapetinga, Santa Inês, Senhor do Bonfim, Serrinha, Teixeira de Freitas, Valença, Uruçuca e Xique-Xique. No segundo momento, o candidato deverá entregar a documentação solicitada pelo instituto nos postos presenciais.

De acordo com o IF Baiano, 70% das vagas oferecidas são reservadas para os estudantes que cursaram o ensino fundamental integralmente na rede pública de ensino. O restante estão divididas da seguinte forma: 25% é destinado à ampla concorrência e 5% para pessoas com deficiência. As vagas são para os cursos de Agroindústria, Agroecologia, Agricultura, Técnico em Agropecuária, Técnico em Informática, Técnico em Alimentos, Técnico em Química, Técnico em Agrimensura, Técnico em Petróleo e Gás, Técnico em Manutenção e Suporte em Informática, Técnico em Informática para Internet, Técnico em Zootecnia, Técnico em Floresta, Técnico em Hospedagem, Técnico em Guia de Turismo e Técnico em Meio Ambiente.

CONFIRA O EDITAL

IFBA oferece 2.855 vagas para cursos técnicos em Bom Jesus da Lapa, Guanambi, Itapetinga e mais 11 municípios

Domingo / 26.08.2018

Por Redação Sertão Hoje

70% das vagas oferecidas são reservadas para os estudantes que cursaram o ensino fundamental integralmente na rede pública de ensino. (Foto: Divulgação / IFBA)

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano (IFBA) vai abrir 2.855 vagas para o ingresso de estudantes em cursos técnicos integrados com o ensino médio ou apenas o técnico subsequente, ambos gratuitos, para 2019, voltados para estudantes de 14 municípios. As inscrições são gratuitas e começam no dia 3 de setembro se estendendo até o dia 3 de outubro. Conforme o IFBA, a inscrição no processo seletivo acontecerá em duas etapas: a primeira pelo portal da instituição (concurso.ifbaiano.edu.br) ou presencialmente na sede do IFBA, nos municípios de Alagoinhas, Bom Jesus da Lapa, Catu, Guanambi, Governador Mangabeira, Itaberaba, Itapetinga, Santa Inês, Senhor do Bonfim, Serrinha, Teixeira de Freitas, Valença, Uruçuca e Xique-Xique. No segundo momento, o candidato deverá entregar a documentação solicitada pelo instituto nos postos presenciais.

De acordo com o IFBA, 70% das vagas oferecidas são reservadas para os estudantes que cursaram o ensino fundamental integralmente na rede pública de ensino. O restante estão divididas da seguinte forma: 25% é destinado à ampla concorrência e 5% para pessoas com deficiência. As vagas são para os cursos de Agroindústria, Agroecologia, Agricultura, Técnico em Agropecuária, Técnico em Informática, Técnico em Alimentos, Técnico em Química, Técnico em Agrimensura, Técnico em Petróleo e Gás, Técnico em Manutenção e Suporte em Informática, Técnico em Informática para Internet, Técnico em Zootecnia, Técnico em Floresta, Técnico em Hospedagem, Técnico em Guia de Turismo e Técnico em Meio Ambiente.

CONFIRA O EDITAL

Xique-Xique: Juiz ordena bloqueio de R$ 36 mil por não nomeação de servidores por prefeito

Quinta / 19.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

Segundo a sentença do juiz, o prefeito "não comprovou a convocação de nenhum servidor, sequer se manifestou nos autos".

O imbróglio sobre um concurso público em Xique-Xique, centro norte baiano, ganhou um novo capitulo nesta terça-feira (17). O juiz Fernando Antônio Sales Abreu decretou o bloqueio de R$ 36 mil das contas da prefeitura local. A quantia diz respeito ao valor das multas diárias após encerrado o prazo estabelecido por conciliação no qual o prefeito da cidade, Reinaldo Braga Filho (DEM), ficou de reintegrar os servidores. A data-limite foi o dia 29 de junho deste ano. Segundo a sentença do juiz, o prefeito "não comprovou a convocação de nenhum servidor, sequer se manifestou nos autos". A decisão atende a uma ação do Ministério Público do Estado. O concurso foi realizado em 2014 e os aprovados foram chamados para os cargos no final de 2016. No entanto, logo que assumiu a prefeitura, em janeiro de 2017, um dos primeiros atos de Braga Filho foi suspender as nomeações. À época, o prefeito justificou a decisão ao afirmar que o concurso foi feito para abrigar adversários. Além disso, dizia que não havia caixa suficiente para pagar os 42 novos servidores.

Xique-Xique: TRF-1 condena Incra a demarcar terras quilombolas 'Vicentes'

Terça / 17.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

A decisão confirma a sentença da Justiça Federal de Irecê, que obriga a regularização das terras quilombolas. (Foto: Sheila Brasileiro)

A 5ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) condenou o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) por não concluir o procedimento administrativo para delimitação de terras quilombolas da comunidade “Vicentes”, em Xique-Xique. A decisão confirma a sentença da Justiça Federal de Irecê, que obriga a regularização das terras quilombolas. O Incra, no recurso, afirmou que não ficou demonstrado pelo Ministério Público Federal (MPF), os problemas da demarcação das terras, diante da complexidade do procedimento, que exige redobrada atenção para evitar equívocos. O Incra também alegou que não há recursos financeiros para cumprir a decisão da Justiça Federal para demarcar as terras, uma vez que será necessária a desapropriação da área afetada, medida essa que extrapolaria suas atribuições legais, devendo-se privilegiar, na espécie, o princípio da reserva do possível. O desembargador Souza Prudente, ao analisar o recurso, afirmou que a Constituição trata as comunidades quilombolas como “patrimônio cultural brasileiro”, sendo-lhes assegurada a propriedade das terras tradicionalmente ocupadas, “impondo-se ao poder público, a adoção das medidas necessárias à efetividade dessa garantia constitucional”. Para o desembargador, a omissão do poder público no caso “afronta o exercício pleno desse direito, bem assim, a garantia fundamental da razoável duração do processo, com os meios que garantam a celeridade de sua tramitação, no âmbito judicial e administrativo (CF, art. 5º, inciso LXXVIII), a autorizar a estipulação de prazo razoável para a conclusão do aludido procedimento”.

Fonte: Bahia Notícias

Suspeitos de roubos e tráfico de drogas morrem após confronto com a polícia em Xique-Xique

Segunda / 16.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

Os policiais chegaram aos suspeitos por meio de denúncia anônima. (Foto: SSP-BA)

Dois suspeitos de roubos e tráfico de drogas morreram em confronto com a polícia, na manhã de domingo (15), na cidade de Xique-Xique. Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), Joseilton Leite de Carvalho, de 27 anos, e Maicon de Souza Santos, 21, se esconderam em uma casa e atiraram em direção aos policiais no momento da abordagem. De acordo com a SSP, os suspeitos foram atingidos, socorridos, mas não resistiram aos ferimentos. Os policiais encontraram armas, munições, drogas e celulares com a dupla. Os policiais da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Semiárido chegaram aos suspeitos por meio de denúncia anônima. Joseilton e Maicon eram suspeitos de praticar crimes nos municípios de Xique-Xique e Gentil do Ouro, conforme a SSP. O caso foi registrado na Delegacia Territorial de Xique-Xique.

Bahia é quinto estado que mais perdeu leitos de internação do SUS nos últimos oito anos

Sexta / 13.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

O Conselho Federal de Medicina pretende encaminhar o levantamento ao Congresso Nacional, Ministério Público Federal e Tribunal de Contas da União. (Foto: Agência Brasil)

Mais de 1,9 mil leitos de internação da rede pública foram desativados na Bahia nos últimos oito anos. O estado ocupa o quinto lugar em redução de leitos no levantamento realizado pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), a partir de dados do Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde do Ministério da Saúde. Em maio de 2010, a Bahia tinha 25,1 mil leitos para uso exclusivo do Sistema Único de Saúde (SUS). O número caiu para 23,2 mil em 2018. O estado apresenta dados melhores que Rio de Janeiro (9,5 mil leitos fechados), São Paulo (7,3 mil), Minas Gerais (4,2 mil) e Goiás (1,9 mil). Outra constatação é que, enquanto a rede pública teve 10% dos leitos fechados desde 2010 (34,2 mil), as redes suplementar e particular aumentaram em 9% (12 mil) o número de unidades no mesmo período. Na Bahia, o acréscimo foi de 1,4 mil leitos. O CFM pretende encaminhar o levantamento ao Congresso Nacional, Ministério Público Federal (MPF) e Tribunal de Contas da União (TCU).

Fonte: Bahia Notícias

Barragens do sudoeste sofrem com nível de água; vinda de El Niño faz ligar alerta

Sexta / 13.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

“Apesar de em todos os estados do Nordeste o nível das chuvas ter aumentado em relação a 2017, só a Bahia ficou abaixo dessa média”, declara Paulo Sérgio.

O nível de água de barragens do sudoeste baiano preocupa moradores. Segundo a Defesa Civil estadual, os casos chamam a atenção nas barragens do Champrão, de Anagé e do Truvisco. Com a possibilidade da chegada do fenômeno “El Niño” já no segundo semestre deste ano, a situação dos açudes faz ligar o sinal de alerta. Conforme o superintendente da Defesa Civil do Estado, Paulo Sérgio Menezes Luz, a Barragem do Truvisco, responsável pelo abastecimento de Caculé, Rio do Antônio e Guajeru, “caminha para o volume morto”. Na Barragem do Champrão, que abastece Condeúba, Piripá e Cordeiros, só resta 5% da capacidade. Por ali, a previsão é que só haja água até agosto. Já na Barragem de Anagé, o nível é de 30%. “A região vai precisar de muita chuva. O problema é que em novembro vem o El Niño, que manda chuva para o Sul e seca para o Nordeste”, lamentou ao site Bahia Notícias.

Paulo Sérgio Menezes declarou que a situação da Bahia é a mais difícil do Nordeste. “Desde 2011 a média de chuva aqui está abaixo do nível histórico. E neste ano, apesar de em todos os estados do Nordeste o nível das chuvas ter aumentado em relação a 2017, só a Bahia ficou abaixo dessa média”. O decreto conjunto de emergência em 29 municípios da região é uma das ações para diminuir os impactos da estiagem (Veja mais aqui).

Fonte: Bahia Notícias