Sertão Hoje

Sertão Hoje

Resultado da busca pela categoria "riachodesantana"

SEC prorroga para 3 de agosto o prazo para matrículas em cursos técnicos da rede estadual

Sexta / 27.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

São 17.310 vagas, em 50 cursos nos Centros Estaduais e Centros Territoriais de Educação Profissional, além de unidades compartilhadas da rede. (Foto: Secretaria de Educação)

O prazo, que terminaria nesta quinta-feira (26), para matrículas em cursos técnicos de nível médio da rede estadual da Bahia foi prorrogado até o dia 3 de agosto. A ampliação do prazo foi divulgada pela Secretaria Estadual de Educação (SEC). De acordo com o órgão, no total, são 17.310 vagas para o segundo semestre letivo, em 50 cursos nos Centros Estaduais e Centros Territoriais de Educação Profissional, além de unidades compartilhadas da rede, em 115 municípios. As aulas irão começar no dia 6 de agosto.

Entre os cursos ofertados estão: técnico em Administração, Segurança do Trabalho, Logística, Meio Ambiente, Agroecologia, Agronegócios, Enfermagem, Nutrição e Dietética, Análises Clínicas, Gerência em Saúde, Cozinha, Edificações, Eletrotécnica, Informática, Manutenção e Suporte em Informática, Eletromecânica, Áudio e Vídeo, Dança, Instrumento Musical e Manutenção Automotiva.
 

Começa hoje (26), o pagamento do abono salarial PIS-Pasep 2018-2019

Quinta / 26.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

Trabalhadores da iniciativa privada retiram o dinheiro na Caixa Econômica Federal, e os servidores públicos, no Banco do Brasil.

Começa nesta quinta-feira (26) o pagamento do abono salarial PIS-Pasep calendário 2018-2019 (ano-base 2017). No caso do PIS, o pagamento será para trabalhadores da iniciativa privada nascidos em julho, e no do Pasep é para servidores públicos com final da inscrição 0. O valor do abono varia de R$ 80 a R$ 954, dependendo do tempo em que a pessoa trabalhou formalmente em 2017. Tem direito ao abono quem recebeu, em média, até 2 salários mínimos mensais com carteira assinada e exerceu atividade remunerada durante, pelo menos, 30 dias em 2017. É preciso ainda estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos 5 anos e ter os dados atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais). Será retomado também nesta quinta o pagamento do abono salarial PIS/Pasep ano-base 2016. O governo decidiu prorrogar o período para saques do abono salarial PIS/Pasep ano-base 2016 até 30 de dezembro. Trabalhadores da iniciativa privada retiram o dinheiro na Caixa Econômica Federal, e os servidores públicos, no Banco do Brasil. É preciso apresentar um documento de identificação e o número do PIS/Pasep.

Abertas matrículas para mais de 17 mil vagas em 50 cursos técnicos de ensino médio na Bahia

Quarta / 25.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

Do total, 9.335 são para a modalidade subsequente, destinadas a estudantes que concluíram o ensino médio e se inscreveram no processo até o dia 18 de Julho. (Foto: SEC)

Estão abertas as matrículas para o segundo semestre letivo dos cursos técnicos de ensino médio oferecidos pela Secretaria de Educação do Estado (SEC). Os interessados devem fazer a matrícula até quinta-feira (26). Ao todo, serão oferecidas 17.310 vagas para 50 cursos nos Centros Estaduais e Centros Territoriais de Educação Profissional, além de unidades compartilhadas da rede estadual de ensino, em 115 municípios. Os alunos devem apresentar versão original do histórico escolar; originais e cópias da carteira de identidade, do CPF e um comprovante de residência com data recente.

De acordo com a SEC, do total de vagas, 9.335 são para a modalidade subsequente, destinadas a estudantes que concluíram o ensino médio e se inscreveram no processo até o dia 18 de Julho. As demais vagas são para as modalidades: Proeja médio, voltadas para quem concluiu o ensino fundamental ou tenha o ensino médio incompleto, com 18 anos completos, e concomitante ao ensino médio, direcionada para o aluno que está matriculado no 2º ano do ensino médio em qualquer escola da rede estadual de ensino. Já os alunos que foram classificados no sorteio eletrônico devem ir às unidades para as quais foram inscritos para realizar a matrícula. Nos demais casos, os interessados devem se dirigir às unidades com matrículas abertas. A lista das unidades está disponível no Portal da Educação (estudantes.educacao.ba.gov).

Entre os cursos ofertados estão: técnico em administração, segurança do trabalho, logística, meio ambiente, agroecologia, agronegócios, enfermagem, nutrição e dietética, análises clínicas, gerência em saúde, cozinha, edificações, eletrotécnica, informática, manutenção e suporte em informática, eletromecânica, áudio e vídeo, dança, instrumento musical e manutenção automotiva.

Encceja 2018: locais de prova já podem ser consultados

Segunda / 23.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

A recomendação do Inep é para que todos levem o cartão de confirmação no dia de aplicação do exame. (Foto: Divulgação INEP)

Os locais de prova do Exame Nacional para a Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja Nacional) 2018 já podem ser consultados. O exame será aplicado no dia 5 de agosto em todo o Brasil. As informações estão na Página do Participante (enccejanacional.inep.gov.br/encceja)

O cartão de confirmação informa o número de inscrição, data, horário, local de realização das provas, as áreas de conhecimento e nível de ensino, além das solicitações de atendimento especializado, específico e/ou pelo nome social, caso solicitados. Também aparecem no campo das informações a secretaria estadual de educação ou o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia escolhido para emissão do certificado ou declaração parcial de proficiência. É do participante a responsabilidade de consultar previamente o seu local de prova, bem como todas as demais informações. A recomendação do Inep é para que todos levem o cartão de confirmação no dia de aplicação do exame.

Fies 2018: inscrições foram prorrogadas até terça-feira (24)

Segunda / 23.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

A data da divulgação do resultado também mudou e vai ocorrer no dia 30 de julho. Nesta edição são 155 mil vagas ofertadas, sendo 50 mil com juro zero. (Foto: Reprodução MEC)

As inscrições para o Financiamento Estudantil (Fies) 2018.2 foram prorrogadas até as 23h59 desta terça-feira (24). A data da divulgação do resultado também mudou e vai ocorrer no dia 30 de julho. Nesta edição são 155 mil vagas ofertadas, sendo 50 mil com juro zero. Segundo o Ministério da Educação (MEC), a prorrogação foi feita porque o sistema apresentou falhas e estava ofertando vagas que não existiam. O ministério, então, entrou em contato com os estudantes que haviam feito inscrição em cursos sem vagas ofertadas para que refizessem o processo. Segundo o MEC, até a manhã desta segunda-feira (23) já haviam sido concluídas 170.190 inscrições.

CLIQUE AQUI PARA SE INSCREVER
 

Pré-selecionados no ProUni têm até esta segunda (23) para entregar documentos

Segunda / 23.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

Quem não foi selecionado em nenhuma das chamadas pode aderir à lista de espera nos dias 30 e 31 de julho. A lista de espera será divulgada no dia 2 de agosto. (Foto: Agência Brasil)

Os candidatos pré-selecionados na segunda chamada do Programa Universidade para Todos (ProUni) têm apenas até esta segunda-feira (23) para apresentação, nas instituições de ensino, dos documentos que comprovem as informações prestadas no momento da inscrição. Essa chamada se refere à seleção do segundo semestre de 2018. A pré-seleção assegura ao candidato apenas a expectativa de direito à bolsa, segundo informações da Agência Brasil. Aquele que estiver na lista deve ir à instituição de ensino com a documentação necessária, que está descrita na página do ProUni na internet. O candidato deve verificar, na instituição, os horários e o local de comparecimento para a aferição das informações. A perda do prazo ou a não comprovação das informações implicarão, automaticamente, na reprovação do candidato. Quem não foi selecionado em nenhuma das chamadas pode aderir à lista de espera nos dias 30 e 31 de julho, na página do ProUni. A lista de espera será divulgada no dia 2 de agosto.

Bahia é certificada por 75% da produção de algodão sustentável

Segunda / 23.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

Para obter a certificação, as propriedades devem ter excelência em boas práticas, como respeito aos trabalhadores e preservação do meio ambiente. (Foto: Alberto Coutinho/GOVBA)

Segundo maior produtor do país, o estado teve recentemente 75,6% de sua produção de algodão certificada como sustentável pelo Programa Algodão Brasileiro (ABR) da Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa), que atua com o licenciamento pela entidade suíça Better Cotton Iniciative (BCI). Nesta safra 2017/2018, um total de 191.586,00 hectares de área abrangendo 53 propriedades de agricultores foi certificado. Desde o início dos trabalhos do ABR, em 2011, houve uma evolução considerável, tendo a certificação dos produtores baianos passado de 21,1% para os atuais 75,69%. “Com os resultados favoráveis dos produtores diante do mercado consumidor, existe o interesse dos demais produtores em obter a certificação”, explica a coordenadora do Programa da área de sustentabilidade da Abapa, Bárbara Bonfim.

Para obter a certificação, as propriedades rurais devem comprovar excelência em boas práticas, como respeito aos trabalhadores no campo e preservação do meio ambiente. Por meio do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), o Estado concede as licenças ambientais e conscientiza, com fiscalizações, os produtores sobre a importância da preservação de nascentes e reservas legais. Responsável pelas autuações na esfera fitossanitária, a Agência de Defesa Agropecuária (Adab), autarquia do Governo do Estado, fiscaliza a data limite de plantio, condução da cultura quanto ao controle de pragas, rotação de culturas, bem como o uso correto de agrotóxicos. A Adab também acompanha o Programa do Bicudo, da Abapa, que tem como objetivo combater o bicudo (Anthonomus grandis), praga com elevado potencial de destruição, do início ao final da cultura do algodão.

Os cotonicultores que estiverem cumprindo as normas do Inema e da Adab poderão ter acesso aos recursos do Programa de Incentivo à Cultura do Algodão (Proalba), um dos instrumentos de política agrícola do Governo do Estado que concede incentivo de até 50% do ICMS devido sobre a comercialização do algodão no mercado interno, desde que o produtor atenda aos requisitos tecnológicos, fitossanitários e de qualidade estabelecidos pelo programa.

No mês de Junho, Bahia demitiu cerca de 3 mil a mais do que contratou, revela o Ministério do Trabalho

Domingo / 22.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados e contam apenas os trabalhadores com carteira assinada. (Foto: Rafael Neddermeyer / Fotos Públicas)

O número de demissões com carteira assinada na Bahia no mês de junho foi maior que o de contratações, segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgado pelo Ministério do Trabalho nesta sexta-feira (20). O estado fechou o mês com 38.666 contratações e 41.763 desligamentos - saldo de negativo de 3.097 vagas. No acumulado no semestre (janeiro a junho), no entanto, o cenário é diferente: o número de contratações foi de 269.697, enquanto o de demissões fechou em 255.878 no estado - saldo positivo de 13.819 vagas com carteira assinada.

Os números do governo revelam que, em junho, houve abertura de vagas em apenas quatro dos oito setores da economia em toda a Bahia. O comércio foi o setor que mais perdeu postos de trabalho: no mês passado foram fechadas 962. Em contrapartida, o setor da indústria de transformação foi o que mais gerou emprego no mês: abriu 312 postos de trabalho formal. Em todo o país, junho também finalizou com saldo negativo de 661 vagas de emprego: foram 1.167.531 contratações e 1.168.192 desligamentos. Foi o primeiro resultado negativo para um mês em 2018. No acumulado do primeiro semestre do ano, o Brasil gerou 392.461 empregos com carteira assinada. Já nos últimos doze meses, segundo o Ministério do Trabalho, foi registrada a criação de 280.093 postos de trabalho formais.

Fonte: Ministério do Trabalho

Prazo para sacar Pis-Pasep será reaberto na quinta-feira (26)

Domingo / 22.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

O benefício poderá ser retirado por mais de 342,7 mil baianos, totalizando R$ 262.678.164,76. (Foto: Ricardo Matsukawa/VEJA)

Mais de 104,2 mil trabalhadores que não sacaram o Abono Salarial ano-base 2016 na Bahia no prazo que terminou em 29 de junho terão nova oportunidade de acesso ao benefício. O pagamento do ano-base 2016 será reiniciado no próximo dia 26 de julho, segundo informou o Ministério do Trabalho. O valor disponível para trabalhadores no estado chega a mais de R$ 79,4 milhões. A reabertura do prazo foi autorizada na última quarta-feira (11), em resolução do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat). Agora, os trabalhadores terão até 30 de dezembro para retirar o dinheiro. O valor que cada trabalhador tem para sacar depende de quanto tempo ele trabalhou formalmente em 2016. Quem trabalhou o ano todo recebe o valor cheio, que equivale a um salário mínimo (RS 954). Quem trabalhou por apenas 30 dias recebe o valor mínimo, que é R$ 80. O órgão disse que o pagamento do benefício referente a 2017 também começará a ser pago no dia 26 de julho.

O valor do Abono Salarial 2016 disponível para os trabalhadores baianos é o maior da região Nordeste, onde o benefício poderá ser retirado por mais de 342,7 mil trabalhadores, totalizando R$ 262.678.164,76. Em todo o Brasil, no total, são quase dois milhões de trabalhadores que não sacaram o benefício, o que corresponde a 7,97% do total de pessoas com direito ao recurso. O valor ainda disponível chega a R$ 1,44 bilhão. Os trabalhadores da iniciativa privada devem procurar a Caixa. Já os servidores públicos, o Banco do Brasil.

No Domingo (22) será realizada a 4ª Etapa da Volta Ciclística de Guanambi

Sexta / 20.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

No percurso entre Guanambi e Carinhanha, inteiramente realizado na BR 030, os ciclistas terão à sua frente uma pista plana e quase inteiramente em linha reta (Foto: Arquivo).

No próximo domingo, dia 22, a 4ª Etapa da Volta Ciclística de Guanambi retorna às atividades e conduzirá os ciclistas a 110Km de pista plana e reta, com chegada na margem do Rio São Francisco. No percurso entre Guanambi e Carinhanha, inteiramente realizado na BR 030, os ciclistas terão à sua frente uma pista plana e quase inteiramente em linha reta. Estratégias individuais e de equipe serão colocadas à prova na etapa mais longa da competição. A largada será realizada na rótula da saída para Palmas de Monte Alto e o percurso vai até a Ponte Guimarães Rosa, em Carinhanha, totalizando 110Km. No percurso da prova os ciclistas passarão por 3 metas verdes e 3 metas azuis. Em todas as metas, a pontuação seguirá o novo regulamento, que atribui 12 pontos ao primeiro ciclista na meta verde, seguido de 6 pontos e 3 pontos; nas metas azuis, a pontuação será de 4 pontos, 2 pontos e 1 ponto, respectivamente para primeiro, segundo e terceiro ciclistas.

Além da pontuação prevista, algumas metas oferecem brindes aos ciclistas que a superarem entre as três primeiras posições. Cabe recordar que as metas azuis somam pontos exclusivamente para a Classificação de Montanha, e não exercer influência sobre a Classificação Geral ou a Classificação por Pontos. As metas verdes, entretanto, atribuem pontos que serão somados aos pontos obtidos na chegada, e acumulam pontos para a Classificação por Pontos (camisa verde). A Volta Ciclística de Guanambi é realizada pela Associação de Ciclistas da Serra Geral, com apoio da imprensa e comércio regionais, tendo George Ferreira Carvalho como fotógrafo oficial do evento.

UPB pede retomada imediata da Operação Carro-Pipa

Quinta / 19.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

O encontro aconteceu no Ministério Integração Nacional, em Brasília. (Foto: UPB)

A Operação Carro-Pipa, coordenada pelo Exército Brasileiro, foi a pauta do encontro que aconteceu nesta quarta-feira (18), entre o presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB) e prefeito de Bom Jesus da Lapa, Eures Ribeiro, o comandante de Operações Terrestres, do Exército Brasileiro, o Coronel Carlos Alberto Lopes Cora, o Secretario Nacional de Proteção e Defesa Civil do Ministério da Integração, Newton Ramlow, entre outros participantes. O encontro aconteceu no Ministério Integração Nacional, em Brasília. Na ocasião, a UPB protocolou um ofício solicitando a retomada imediata da operação nos 29 municípios baianos que convivem com a estiagem e tiveram decretos de emergência reconhecidos pelo Estado, no dia 11 de julho (Veja aqui).

Inscrições para mais de 9 mil vagas em cursos técnicos gratuitos na Bahia são prorrogadas

Terça / 17.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

Segundo a Secretaria de Educação, a divulgação do resultado está prevista para o dia 20 de julho. (Foto: Divulgação SEC)

As inscrições para o processo seletivo que oferece 9.335 vagas de cursos técnicos de nível médio gratuitos, em 82 cidades da Bahia, foram prorrogadas até a quarta-feira (18), conforme divulgou a Secretaria de Educação do Estado. Os cursos são voltados a pessoas que concluíram o ensino médio, seja na rede pública, nos âmbitos federal, estadual ou municipal, ou que comprovem a condição de bolsista em instituições privadas. As inscrições podem ser feitas até 15 de julho pelo site da Secretaria de Educação (SEC). A relação de cidades onde os cursos são oferecidos também está disponível no portal da secretaria. Serão disponibilizados 42 cursos, com duração de dois a três semestres. Segundo a Secretaria, a divulgação do resultado está prevista para o dia 20 de julho. A matrícula dos selecionados será entre os dias 24, 25 e 26 de julho na unidade escolar para qual foi classificado. O início do período letivo será no dia 30 de julho.

CLIQUE AQUI PARA SE INSCREVER

Inscrições para o Fies 2018.2 estão abertas

Terça / 17.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

Pode concorrer quem fez uma das edições do Enem a partir de 2010, com média igual ou superior a 450 pontos, e obtido nota maior que zero na redação. (Foto: Reprodução Fies)

Estão abertas as inscrições para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) 2018.2. Serão ofertadas pelo menos 155 mil vagas, sendo 50 mil a juro zero. As inscrições são feitas pela internet, no site do programa (fies.mec.gov.br), até o dia 22 de julho. Pode concorrer quem fez uma das edições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010, com média igual ou superior a 450 pontos, e obtido nota maior que zero na redação.

O novo Fies tem modalidades de acordo com a renda familiar. A modalidade Fies tem juro zero para os candidatos com renda mensal familiar per capita de até três salários-mínimos. Nesse caso, o financiamento mínimo é de 50% do curso, enquanto o limite máximo semestral é R$ 42 mil. A modalidade chamada de P-Fies é para candidatos com renda familiar per capitaentre 3 e 5 salários-mínimos. Nesse caso, o financiamento é feito por condições definidas pelo agente financeiro operador de crédito que pode ser um banco privado ou Fundos Constitucionais e de Desenvolvimento. O resultado da seleção do Fies será divulgado no dia 27 de julho, em chamada única. Os candidatos que forem pré-selecionados deverão complementar as informações da inscrição no período de 27 a 31 de julho e, depois, fechar a contratação do financiamento. No caso dos estudantes inscritos no P-Fies, não haverá lista de espera. Os demais poderão manifestar interesse entre os dias 1º e 24 de agosto. O Fies concede financiamento a estudantes em cursos superiores de instituições privadas com avaliação positiva pelo Ministério da Educação.

Receita paga restituição para 3 milhões de contribuintes nesta segunda (16)

Segunda / 16.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

Estão neste lote, os contribuintes que declararam até 18/03 e os que fazem parte da lista de prioridades definidas por lei.

A Receita Federal liberou, nesta segunda-feira (16), a restituição do Imposto de Renda para mais de 3 milhões de contribuintes. Os valores serão depositados na conta indicada ao enviar a declaração. Estão neste lote de pagamentos os contribuintes que transmitiram a declaração até o dia 18 de março deste ano e os que fazem parte da lista de prioridades definidas por lei, como professores, idosos e pessoas com deficiência ou doença grave. Serão depositados R$ 5 bilhões. Do total, R$ 1,625 bilhão será pago a contribuintes com prioridade. Entre eles estão 3.358 idosos acima de 80 anos, 49.796 entre 60 e 79 anos, 7.159 pessoas com alguma deficiência física ou mental ou doença grave e outros 1.120.771 cidadãos cuja principal fonte de renda é o magistério.

Fonte: Bahia Notícias

TCE e TCM firmam convênio para fortalecer fiscalização

Segunda / 16.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

“Queremos fortalecer e dar mais eficiência no exercício do controle externo, e combater não apenas a corrupção, mas também a ineficiência”, ressaltou Gildásio Penedo.

O presidente do Tribunal de Contas da Bahia (TCE), conselheiro Gildásio Penedo Filho, e o presidente do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), conselheiro Francisco de Souza Andrade Netto, assinaram, na última quarta-feira (11), um convênio de cooperação técnica para compartilhar informações e tecnologias aplicadas às auditorias de contas com o objetivo de intensificar e agilizar o processo de fiscalização da gestão pública do estado e municípios baianos. “Queremos fortalecer e dar ainda mais eficiência no exercício do controle externo, que é a missão de nossas instituições, e combater não apenas a corrupção, mas também a ineficiência, o desperdício de dinheiro público”, ressaltou o conselheiro Gildásio Penedo. Agora, os tribunais vão compartilhar suas bases de dados, informações, conhecimentos, metodologias, experiências e tecnologias sempre com o objetivo de tornar mais eficaz e mais rápido o processo de análise das contas dos gestores

Pelo acordo, o TCE e o TCM vão atuar em conjunto no processo contínuo de aperfeiçoamento e capacitação dos técnicos, por meio de treinamentos, seminários e cursos. Também serão formadas equipes conjuntas para a realização de projetos e atividades de interesse comum. Além disso, será assegurado o acesso online ao Sistema de Observação das Contas Públicas ”Mirante”, desenvolvido pelo TCE, e do SIGA (Sistema de Gestão e Auditoria) do TCM, para realização de consultas, cruzamentos de dados e geração de relatórios padronizados e de recursos de construção de consulta disponíveis nos sistemas.