Sertão Hoje

Sertão Hoje

Resultado da busca pela categoria "mucugê"

Pré-selecionados no ProUni têm até esta segunda (23) para entregar documentos

Segunda / 23.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

Quem não foi selecionado em nenhuma das chamadas pode aderir à lista de espera nos dias 30 e 31 de julho. A lista de espera será divulgada no dia 2 de agosto. (Foto: Agência Brasil)

Os candidatos pré-selecionados na segunda chamada do Programa Universidade para Todos (ProUni) têm apenas até esta segunda-feira (23) para apresentação, nas instituições de ensino, dos documentos que comprovem as informações prestadas no momento da inscrição. Essa chamada se refere à seleção do segundo semestre de 2018. A pré-seleção assegura ao candidato apenas a expectativa de direito à bolsa, segundo informações da Agência Brasil. Aquele que estiver na lista deve ir à instituição de ensino com a documentação necessária, que está descrita na página do ProUni na internet. O candidato deve verificar, na instituição, os horários e o local de comparecimento para a aferição das informações. A perda do prazo ou a não comprovação das informações implicarão, automaticamente, na reprovação do candidato. Quem não foi selecionado em nenhuma das chamadas pode aderir à lista de espera nos dias 30 e 31 de julho, na página do ProUni. A lista de espera será divulgada no dia 2 de agosto.

Após denúncia de vereadores, TCM pune ex-prefeito de Ipiaú

Segunda / 23.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

O relator, conselheiro José Alfredo Rocha Dias, multou o gestor em R$ 8 mil. Cabe recurso da decisão. (Foto: Divulgação)

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), na sessão desta quinta-feira (19), julgou procedente a denúncia formulada pelos vereadores Margarete Chaves dos Santos Oliveira e Josenaldo de Jesus, do município de Ipiaú, contra o ex-prefeito Deraldino Alves de Araújo por irregularidades na contratação de empresa para aquisição de gêneros alimentícios no valor de R$ 9.895.925,83, no exercício de 2016. O relator, conselheiro José Alfredo Rocha Dias, multou o gestor em R$ 8 mil.

Segundo a relatoria, não foram apresentados os três orçamentos, exigidos por lei, com empresas do ramo, nem a pesquisa preliminar de preços, que deveriam servir de suporte para a definição do preço de referência. Também não foram encaminhados a planilha estimada com preço médio por item, o parecer jurídico devidamente fundamentado, as solicitações emitidas pelas respectivas secretarias municipais, o cardápio e a ata de reunião do Conselho de Alimentação e o registro de nutricionista junto ao FNDE. Considerando os elevados valores envolvidos no pregão presencial, o relator, por sugestão do Ministério Público de Contas, determinou que a área técnica apure se houve superfaturamento no contrato celebrado, através de termo de ocorrência. Cabe recurso da decisão.

Fonte: TCM

Bahia é certificada por 75% da produção de algodão sustentável

Segunda / 23.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

Para obter a certificação, as propriedades devem ter excelência em boas práticas, como respeito aos trabalhadores e preservação do meio ambiente. (Foto: Alberto Coutinho/GOVBA)

Segundo maior produtor do país, o estado teve recentemente 75,6% de sua produção de algodão certificada como sustentável pelo Programa Algodão Brasileiro (ABR) da Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa), que atua com o licenciamento pela entidade suíça Better Cotton Iniciative (BCI). Nesta safra 2017/2018, um total de 191.586,00 hectares de área abrangendo 53 propriedades de agricultores foi certificado. Desde o início dos trabalhos do ABR, em 2011, houve uma evolução considerável, tendo a certificação dos produtores baianos passado de 21,1% para os atuais 75,69%. “Com os resultados favoráveis dos produtores diante do mercado consumidor, existe o interesse dos demais produtores em obter a certificação”, explica a coordenadora do Programa da área de sustentabilidade da Abapa, Bárbara Bonfim.

Para obter a certificação, as propriedades rurais devem comprovar excelência em boas práticas, como respeito aos trabalhadores no campo e preservação do meio ambiente. Por meio do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), o Estado concede as licenças ambientais e conscientiza, com fiscalizações, os produtores sobre a importância da preservação de nascentes e reservas legais. Responsável pelas autuações na esfera fitossanitária, a Agência de Defesa Agropecuária (Adab), autarquia do Governo do Estado, fiscaliza a data limite de plantio, condução da cultura quanto ao controle de pragas, rotação de culturas, bem como o uso correto de agrotóxicos. A Adab também acompanha o Programa do Bicudo, da Abapa, que tem como objetivo combater o bicudo (Anthonomus grandis), praga com elevado potencial de destruição, do início ao final da cultura do algodão.

Os cotonicultores que estiverem cumprindo as normas do Inema e da Adab poderão ter acesso aos recursos do Programa de Incentivo à Cultura do Algodão (Proalba), um dos instrumentos de política agrícola do Governo do Estado que concede incentivo de até 50% do ICMS devido sobre a comercialização do algodão no mercado interno, desde que o produtor atenda aos requisitos tecnológicos, fitossanitários e de qualidade estabelecidos pelo programa.

Cinco morrem em confronto durante Operação Policial em Serra Dourada

Segunda / 23.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

De acordo com a SSP-BA, com a quadrilha foram encontrados um fuzil, quatro pistolas, munições e R$ 1,5 mil em espécie. (Foto: Divulgação SSP-BA)

Cinco homens apontados pela polícia como autores da explosão de duas agências bancárias na cidade de Serra Dourada (Veja aqui), no oeste do estado, morreram após um confronto policial na manhã deste domingo (22). De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), com a quadrilha foram encontrados um fuzil, quatro pistolas, munições e R$ 1,5 mil em espécie. A polícia disse que o grupo encontrado não era formado apenas por baianos, mas também por um paulista e um paraibano. A Operação conjunta, realizada por equipes da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Cerrado, do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), das Rondas Especiais (Rondesp) Oeste e das 84ª (Barreiras) e 30ª (Santa Maria da Vitória) CIPMs, bloqueou as rotas de fuga da região. Após serem encontrados, na zona rural de Serra Dourada, os homens reagiram e foram atingidos pela polícia. O paraibano Samuel de Oliveira Aguiar, 30 anos, os baianos Genilson Gomes de Jesus dos Anjos, 34, e Alex da Hora de Jesus, 27, além do paulista Washington Batista do Nascimento, 33, e outro assaltante não identificado, ficaram feridos. O quinteto foi socorrido, mas não resistiu, conforme informou a SSP-BA.

Suspeito de participar da morte do Delegado Marco Torres morre em confronto com a Polícia Civil

Segunda / 23.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

Durante a operação, outro suspeito, Amaury Francisco de Souza (Babá) conseguiu se evadir. (Foto Divulgação)

Durante uma operação policial conjunta da Polícia Civil, na zona rural do município de Souto Soares (BA), o suspeito Adenilton Teixeira (Déda) reagiu à voz de prisão e morreu em confronto com os policiais civis, tendo o seu óbito sido constatado pelo médico plantonista do Hospital Municipal local, após os policiais prestarem socorro ao suspeito alvejado. A operação conjunta, batizada de “Caninana”, contou com a participação de policiais civis do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (DRACO), 13ª COORPIN (Seabra), 14ª COORPIN (Irecê) e 20ª COORPIN (Brumado), tendo sido realizada no sábado (21) para cumprir mandados de busca e apreensão e prisão expedidos. Durante a operação, outro suspeito, Amaury Francisco de Souza (Babá) conseguiu se evadir. No local, foram localizadas três motos com suspeita de adulteração, cinco coletes balísticos, balaclavas, material para embalar drogas, balanças, munições, carregadores e cerca de 100kg de maconha. Todo o material apreendido foi apresentado na sede da 13ª COORPIN em Seabra. O bando é suspeito de sequestrar, matar e colocar fogo no corpo do Delegado Marco Torres, que era titular da Delegacia de Barra da Estiva.

Brumado: Polícias Civil e Militar capturam suspeito de Homicídio em Dom Basílio

Segunda / 23.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

Segundo os Policiais, Natalino Alves de Almeida, 31 anos, é suspeito de ter matado um homem, na zona rural de Dom Basílio, e tentado contra a vida de outro.

Na noite deste domingo (22), o Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO) da 34ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Brumado), juntamente com uma equipe da Polícia Civil, capturou um foragido na Rua Turmalina, Bairro Esmeralda, em Brumado. Segundo os Policiais, Natalino Alves de Almeida, 31 anos, é suspeito de ter matado um homem, na zona rural de Dom Basílio, e tentado contra a vida de outro. Natalino foi conduzido e entregue à sede da 20ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (COORPIN/Brumado).

No mês de Junho, Bahia demitiu cerca de 3 mil a mais do que contratou, revela o Ministério do Trabalho

Domingo / 22.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados e contam apenas os trabalhadores com carteira assinada. (Foto: Rafael Neddermeyer / Fotos Públicas)

O número de demissões com carteira assinada na Bahia no mês de junho foi maior que o de contratações, segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgado pelo Ministério do Trabalho nesta sexta-feira (20). O estado fechou o mês com 38.666 contratações e 41.763 desligamentos - saldo de negativo de 3.097 vagas. No acumulado no semestre (janeiro a junho), no entanto, o cenário é diferente: o número de contratações foi de 269.697, enquanto o de demissões fechou em 255.878 no estado - saldo positivo de 13.819 vagas com carteira assinada.

Os números do governo revelam que, em junho, houve abertura de vagas em apenas quatro dos oito setores da economia em toda a Bahia. O comércio foi o setor que mais perdeu postos de trabalho: no mês passado foram fechadas 962. Em contrapartida, o setor da indústria de transformação foi o que mais gerou emprego no mês: abriu 312 postos de trabalho formal. Em todo o país, junho também finalizou com saldo negativo de 661 vagas de emprego: foram 1.167.531 contratações e 1.168.192 desligamentos. Foi o primeiro resultado negativo para um mês em 2018. No acumulado do primeiro semestre do ano, o Brasil gerou 392.461 empregos com carteira assinada. Já nos últimos doze meses, segundo o Ministério do Trabalho, foi registrada a criação de 280.093 postos de trabalho formais.

Fonte: Ministério do Trabalho

Prazo para sacar Pis-Pasep será reaberto na quinta-feira (26)

Domingo / 22.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

O benefício poderá ser retirado por mais de 342,7 mil baianos, totalizando R$ 262.678.164,76. (Foto: Ricardo Matsukawa/VEJA)

Mais de 104,2 mil trabalhadores que não sacaram o Abono Salarial ano-base 2016 na Bahia no prazo que terminou em 29 de junho terão nova oportunidade de acesso ao benefício. O pagamento do ano-base 2016 será reiniciado no próximo dia 26 de julho, segundo informou o Ministério do Trabalho. O valor disponível para trabalhadores no estado chega a mais de R$ 79,4 milhões. A reabertura do prazo foi autorizada na última quarta-feira (11), em resolução do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat). Agora, os trabalhadores terão até 30 de dezembro para retirar o dinheiro. O valor que cada trabalhador tem para sacar depende de quanto tempo ele trabalhou formalmente em 2016. Quem trabalhou o ano todo recebe o valor cheio, que equivale a um salário mínimo (RS 954). Quem trabalhou por apenas 30 dias recebe o valor mínimo, que é R$ 80. O órgão disse que o pagamento do benefício referente a 2017 também começará a ser pago no dia 26 de julho.

O valor do Abono Salarial 2016 disponível para os trabalhadores baianos é o maior da região Nordeste, onde o benefício poderá ser retirado por mais de 342,7 mil trabalhadores, totalizando R$ 262.678.164,76. Em todo o Brasil, no total, são quase dois milhões de trabalhadores que não sacaram o benefício, o que corresponde a 7,97% do total de pessoas com direito ao recurso. O valor ainda disponível chega a R$ 1,44 bilhão. Os trabalhadores da iniciativa privada devem procurar a Caixa. Já os servidores públicos, o Banco do Brasil.

Mega-Sena segue acumulada e pode pagar R$ 62 milhões neste sábado (21)

Sexta / 20.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

A aposta mínima na Mega-Sena custa R$ 3,50 e pode ser feita até as 19h em qualquer lotérica.

A Mega-Sena acumulou novamente e pode pagar, neste sábado (21), o prêmio de R$ 62 milhões ao apostador que acertar os seis números da sorte. O concurso 2.061 será sorteado a partir das 20h (horário de Brasília) no Caminhão da Sorte da CAIXA que está em Ipameri (GO). Segundo a CAIXA, caso apenas um ganhador leve o prêmio e aplique todo o valor na Poupança, receberá aproximadamente R$ 230 mil em rendimentos mensais. O valor também seria suficiente para pagar a viagem de quatro pessoas num cruzeiro de luxo que passa por 30 países, nos cinco continentes. A aposta mínima na Mega-Sena custa R$ 3,50 e pode ser feita até as 19h em qualquer lotérica do país.

Taxa de Mortalidade Infantil aumenta 9,2% na Bahia, conforme levantamento do Ministério da Saúde

Sexta / 20.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

O Ministério também informou que a Bahia é o estado brasileiro com maior risco de retorno da doença. (Foto: Agência Brasil)

Após 25 anos de queda, a taxa de mortalidade infantil aumentou 9,2% na Bahia em 2016, comparado ao ano de 2015, segundo dados divulgados nesta semana pelo Ministério da Saúde. Conforme o órgão, o estado teve 18 óbitos infantis a cada mil nascimentos em 2016. A taxa ficou acima da média nacional, que foi de 14 mortes por cada mil nascimentos no mesmo ano. A partir de 1990, a Bahia, assim como o restante do país, começou a apresentar queda no número de mortes de crianças. Em 1990, o estado registrava taxa de 66 mortes por cada mil nascimentos. Em 2015, a taxa já havia baixado para 16,4.

No país inteiro, houve aumento de 4,8% em 2016 com relação a 2015, quando 13,3 mortes (a cada mil) foram registradas. O Ministério da Saúde credita a alta mortalidade ao vírus zika e às mudanças socioeconômicas. Dados recentes do órgão também mostram que a vacinação em crianças, um importante fator para a redução da mortalidade, atingiu o menor nível em 16 anos. Na Bahia, por exemplo, 63 cidades não chegaram a vacinar, no ano de 2017, nem metade das crianças que compõem o público-alvo da imunização contra a poliomelite (paralisia infantil), que pode lavar à morte. Por conta disso, o Ministério informou que a Bahia é o estado brasileiro com maior risco de retorno da doença. O último caso de poliomelite no estado foi registrado no final da década de 80, mas, como o vírus ainda circula no mundo, pode haver o risco de contaminação.

Católicos de Ibitira festejam Padroeira Nossa Senhora do Carmo

Sexta / 20.07.2018

Por Maria Nunes

Durante todo o novenário, houve quermesse, sorteios de brindes, leilão e venda de comidas típicas e apresentações culturais dos católicos voluntários da Paróquia.

Como acontece todos os anos, a comunidade católica do Distrito de Ibitira festejou a padroeiro Nossa Senhora do Carmo. As celebrações foram iniciadas no dia 07, com uma missa celebrada pelo Padre Paulo Henrique, coordenador do Vicariato Rainha dos Apóstolos, com muito entusiasmo, já que nessa data também foi comemorado o aniversário de um ano da instalação da Paróquia de Nossa Senhora do Carmo, em Ibitira. Fora nove dias de preparação para celebrar o dia da padroeira de Ibitira, que é 16 de julho, tendo como tema central da festa “Virgem do Carmo, sejamos sal da terra e luz do mundo”. Durante a celebração de abertura, Padre Alex destacou: “nossa igreja está cheia, graças a Deus, mas não basta ser uma igreja grande e bonita, cheia de gente como nesta noite, não basta apenas dizer que é católico só porque vai as missas todos os domingos, é preciso ter passado por uma verdadeira experiência com Jesus, através do processo de iniciação da vida cristã. É a partir do sacramento do Batismo, da Eucaristia, que damos os primeiros passos”.
 

A celebração final foi presidida pelo Bispo diocesano, Dom José Roberto, que fez questão de agradecer a presença dos fieis e dos padres de outras paróquias que lá também estavam.

No Domingo (22) será realizada a 4ª Etapa da Volta Ciclística de Guanambi

Sexta / 20.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

No percurso entre Guanambi e Carinhanha, inteiramente realizado na BR 030, os ciclistas terão à sua frente uma pista plana e quase inteiramente em linha reta (Foto: Arquivo).

No próximo domingo, dia 22, a 4ª Etapa da Volta Ciclística de Guanambi retorna às atividades e conduzirá os ciclistas a 110Km de pista plana e reta, com chegada na margem do Rio São Francisco. No percurso entre Guanambi e Carinhanha, inteiramente realizado na BR 030, os ciclistas terão à sua frente uma pista plana e quase inteiramente em linha reta. Estratégias individuais e de equipe serão colocadas à prova na etapa mais longa da competição. A largada será realizada na rótula da saída para Palmas de Monte Alto e o percurso vai até a Ponte Guimarães Rosa, em Carinhanha, totalizando 110Km. No percurso da prova os ciclistas passarão por 3 metas verdes e 3 metas azuis. Em todas as metas, a pontuação seguirá o novo regulamento, que atribui 12 pontos ao primeiro ciclista na meta verde, seguido de 6 pontos e 3 pontos; nas metas azuis, a pontuação será de 4 pontos, 2 pontos e 1 ponto, respectivamente para primeiro, segundo e terceiro ciclistas.

Além da pontuação prevista, algumas metas oferecem brindes aos ciclistas que a superarem entre as três primeiras posições. Cabe recordar que as metas azuis somam pontos exclusivamente para a Classificação de Montanha, e não exercer influência sobre a Classificação Geral ou a Classificação por Pontos. As metas verdes, entretanto, atribuem pontos que serão somados aos pontos obtidos na chegada, e acumulam pontos para a Classificação por Pontos (camisa verde). A Volta Ciclística de Guanambi é realizada pela Associação de Ciclistas da Serra Geral, com apoio da imprensa e comércio regionais, tendo George Ferreira Carvalho como fotógrafo oficial do evento.

Justiça bloqueia R$ 4,7 milhões do prefeito de Serra do Ramalho por desvio de recursos da Educação

Quinta / 19.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

“As empresas e a Cooptvale, foram usadas para fraudar licitações, superfaturar contratos e desviar dinheiro público para a campanha de Ítalo nas eleições de 2016”, afirma o procurador.

A pedido do Ministério Público Federal (MPF) em Bom Jesus da Lapa, a Justiça Federal determinou o bloqueio de até R$ 4.707.662,34 em bens do atual prefeito de Serra do Ramalho, Ítalo Rodrigo Anunciação Silva, seu pai, José Maria Nunes da Silva, e o empresário Isaac Cézar França. Os acionados são acusados de cometer irregularidades na contratação do serviço de transporte escolar, com recursos do Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), do Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE) e do Programa Nacional de Transporte Escolar (Pnate).

De acordo com investigações do MPF, apenas as empresas Serviços de Transporte, Locação e Construções (STLC), representada por Isaac França, e Prestação de Serviços, Transporte e Locação (PSTL), representada por Ítalo Silva, participaram do Pregão Presencial nº 029/2013. No entanto, além de terem sede no mesmo local e objeto idêntico, os dois empreendimentos eram controlados pelo gestor e seu pai, fraudando o caráter competitivo da licitação. Entre 2013 e 2015, Ítalo Silva atuou como empresário particular, tornando-se prefeito apenas nas eleições de 2016. Segundo o procurador da República Adnilson Gonçalves da Silva, as empresas não tinham nenhuma capacidade operacional e não dispunham de pessoal e veículos suficientes para cumprir o objeto das licitações de que participavam. Apesar da total falta de capacidade operacional, a STLC firmou diversos contratos na área de influência do grupo, nos municípios baianos de Serra do Ramalho e Paratinga, tendo recebido mais de R$ 6 milhões.
 

UPB pede retomada imediata da Operação Carro-Pipa

Quinta / 19.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

O encontro aconteceu no Ministério Integração Nacional, em Brasília. (Foto: UPB)

A Operação Carro-Pipa, coordenada pelo Exército Brasileiro, foi a pauta do encontro que aconteceu nesta quarta-feira (18), entre o presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB) e prefeito de Bom Jesus da Lapa, Eures Ribeiro, o comandante de Operações Terrestres, do Exército Brasileiro, o Coronel Carlos Alberto Lopes Cora, o Secretario Nacional de Proteção e Defesa Civil do Ministério da Integração, Newton Ramlow, entre outros participantes. O encontro aconteceu no Ministério Integração Nacional, em Brasília. Na ocasião, a UPB protocolou um ofício solicitando a retomada imediata da operação nos 29 municípios baianos que convivem com a estiagem e tiveram decretos de emergência reconhecidos pelo Estado, no dia 11 de julho (Veja aqui).

Rui Costa estará em Guanambi, na sexta (20), e em Brumado, no sábado (21), com a Caravana do Governo Participativo

Quarta / 18.07.2018

Por Redação Sertão Hoje

Em Guanambi, o ato contará com os pré-candidatos a vice-governador, João Leão, e ao Senado, Jaques Wagner e Ângelo Coronel.

Pré-candidato a reeleição ao Governo do Estado, Rui Costa estará em Guanambi nesta sexta-feira (20), onde realiza acompanhado de sua comitiva, mais uma Caravana Regional do Programa de Governo Participativo. O ex-prefeito Charles Fernandes e a deputada estadual Ivana Bastos confirmaram o local e horário do evento, que será realizado no Clube de Campo Guanambi, às 9 horas. O ato contará também com os pré-candidatos a vice-governador, João Leão, e ao Senado, Jaques Wagner e Ângelo Coronel, além de outras lideranças das cidades dos Territórios de Identidade do Sertão Produtivo e Bacia do Paramirim.  Depois de Guanambi, Rui segue para a cidade de Brumado, onde tem encontro a tarde, e logo depois, para Vitória da Conquista onde também realiza no sábado (21), o encontro regional, e no domingo (22), finaliza em Jequié. “Estamos realizando esta caravana pela Bahia para garantir a participação popular na construção do nosso Programa de Governo Participativo, não basta reunir técnicos para formular propostas, um governo verdadeiramente democrático se faz através desse processo colaborativo”, salienta Rui Costa.