Sertão Hoje

Sertão Hoje

Resultado da busca pela categoria "ibiassucê"

Partiu Estágio: convocados têm até hoje (15) para apresentarem documentos aos órgãos públicos

Sexta / 15.07.2022

Por Redação Sertão Hoje

A lista completa da convocação poderá ser consultada no site institucional da Secretaria da Administração (Saeb), no endereço www.saeb.ba.gov.br.

Entre os dias 04 a 15 de julho, os universitários notificados na terceira convocação do Partiu Estágio, Edital 001/2022, devem entrar em contato e se apresentar ao órgão público em que irão atuar futuramente. Ao todo, foram chamados 771 estudantes universitários de 79 cursos diferentes, com destaque para as áreas de Direito, Administração e Ciências Contábeis, com 37,6% dos selecionados.

A lista completa da convocação poderá ser consultada no site institucional da Secretaria da Administração (Saeb). Todas as informações necessárias para a apresentação, como prazo, local e horário, além da lista de documentos exigidos em edital, endereço e telefone do local de estágio foram enviadas para os endereços de e-mail fornecidos pelos universitários no momento de inscrição no site do Partiu Estágio.

É importante que o universitário mantenha contato com o órgão indicado para obter orientações complementares para a entrega dos documentos. Além do e-mail de convocação, enviado para o endereço informado no ato da inscrição, o Estado notifica os universitários via SMS e ligação telefônica. Os estudantes selecionados terão dez dias úteis para a apresentação, a partir do dia 04 de julho. Os convocados que por ventura não se apresentarem dentro do prazo indicado poderão perder direito à vaga.

Em caso de dúvidas, é possível manter contato com a coordenação do programa pelo e-mail [email protected] ou pelo telefone (71) 3115-1714. A convocação contemplou 42 municípios, beneficiando 53 órgãos públicos. Do total de selecionados, 533 são em Salvador e outros 238 estão distribuídos pelo interior do estado, recebendo bolsa-estágio, auxílio transporte e 30 dias de recesso remunerado, proporcionais. O estágio possui duração de um ano, sem possibilidade de prorrogação, exceto para pessoas com deficiência, que poderão estagiar até o fim do seu curso. A carga horária é composta de 4h diárias de atividades supervisionadas, chegando a 20 horas semanais.

Partiu Estágio: convocados têm até 15 de julho para apresentarem documentos aos órgãos públicos

Domingo / 10.07.2022

Por Redação Sertão Hoje

A lista completa da convocação poderá ser consultada no site institucional da Secretaria da Administração (Saeb), no endereço www.saeb.ba.gov.br.

Entre os dias 04 a 15 de julho, os universitários notificados na terceira convocação do Partiu Estágio, Edital 001/2022, devem entrar em contato e se apresentar ao órgão público em que irão atuar futuramente. Ao todo, foram chamados 771 estudantes universitários de 79 cursos diferentes, com destaque para as áreas de Direito, Administração e Ciências Contábeis, com 37,6% dos selecionados.

A lista completa da convocação poderá ser consultada no site institucional da Secretaria da Administração (Saeb). Todas as informações necessárias para a apresentação, como prazo, local e horário, além da lista de documentos exigidos em edital, endereço e telefone do local de estágio foram enviadas para os endereços de e-mail fornecidos pelos universitários no momento de inscrição no site do Partiu Estágio.

É importante que o universitário mantenha contato com o órgão indicado para obter orientações complementares para a entrega dos documentos. Além do e-mail de convocação, enviado para o endereço informado no ato da inscrição, o Estado notifica os universitários via SMS e ligação telefônica. Os estudantes selecionados terão dez dias úteis para a apresentação, a partir do dia 04 de julho. Os convocados que por ventura não se apresentarem dentro do prazo indicado poderão perder direito à vaga.

Em caso de dúvidas, é possível manter contato com a coordenação do programa pelo e-mail [email protected] ou pelo telefone (71) 3115-1714. A convocação contemplou 42 municípios, beneficiando 53 órgãos públicos. Do total de selecionados, 533 são em Salvador e outros 238 estão distribuídos pelo interior do estado, recebendo bolsa-estágio, auxílio transporte e 30 dias de recesso remunerado, proporcionais. O estágio possui duração de um ano, sem possibilidade de prorrogação, exceto para pessoas com deficiência, que poderão estagiar até o fim do seu curso. A carga horária é composta de 4h diárias de atividades supervisionadas, chegando a 20 horas semanais.

Partiu Estágio: prazo para apresentação de documentos começa nesta segunda (04)

Domingo / 03.07.2022

Por Redação Sertão Hoje

A lista completa da convocação poderá ser consultada no site institucional da Secretaria da Administração (Saeb), no endereço www.saeb.ba.gov.br.

Entre os dias 04 a 15 de julho, os universitários notificados na terceira convocação do Partiu Estágio, Edital 001/2022, devem entrar em contato e se apresentar ao órgão público em que irão atuar futuramente. Ao todo, foram chamados 771 estudantes universitários de 79 cursos diferentes, com destaque para as áreas de Direito, Administração e Ciências Contábeis, com 37,6% dos selecionados.

A lista completa da convocação poderá ser consultada no site institucional da Secretaria da Administração (Saeb). Todas as informações necessárias para a apresentação, como prazo, local e horário, além da lista de documentos exigidos em edital, endereço e telefone do local de estágio foram enviadas para os endereços de e-mail fornecidos pelos universitários no momento de inscrição no site do Partiu Estágio.

É importante que o universitário mantenha contato com o órgão indicado para obter orientações complementares para a entrega dos documentos. Além do e-mail de convocação, enviado para o endereço informado no ato da inscrição, o Estado notifica os universitários via SMS e ligação telefônica. Os estudantes selecionados terão dez dias úteis para a apresentação, a partir do dia 04 de julho. Os convocados que por ventura não se apresentarem dentro do prazo indicado poderão perder direito à vaga.

Em caso de dúvidas, é possível manter contato com a coordenação do programa pelo e-mail [email protected] ou pelo telefone (71) 3115-1714. A convocação contemplou 42 municípios, beneficiando 53 órgãos públicos. Do total de selecionados, 533 são em Salvador e outros 238 estão distribuídos pelo interior do estado, recebendo bolsa-estágio, auxílio transporte e 30 dias de recesso remunerado, proporcionais. O estágio possui duração de um ano, sem possibilidade de prorrogação, exceto para pessoas com deficiência, que poderão estagiar até o fim do seu curso. A carga horária é composta de 4h diárias de atividades supervisionadas, chegando a 20 horas semanais.

Partiu Estágio: prazo para apresentação de documentos começa na próxima segunda (04)

Quarta / 29.06.2022

Por Redação Sertão Hoje

A lista completa da convocação poderá ser consultada no site institucional da Secretaria da Administração (Saeb), no endereço www.saeb.ba.gov.br.

Entre os dias 04 a 15 de julho, os universitários notificados na terceira convocação do Partiu Estágio, Edital 001/2022, devem entrar em contato e se apresentar ao órgão público em que irão atuar futuramente. Ao todo, foram chamados 771 estudantes universitários de 79 cursos diferentes, com destaque para as áreas de Direito, Administração e Ciências Contábeis, com 37,6% dos selecionados.

A lista completa da convocação poderá ser consultada no site institucional da Secretaria da Administração (Saeb). Todas as informações necessárias para a apresentação, como prazo, local e horário, além da lista de documentos exigidos em edital, endereço e telefone do local de estágio foram enviadas para os endereços de e-mail fornecidos pelos universitários no momento de inscrição no site do Partiu Estágio.

É importante que o universitário mantenha contato com o órgão indicado para obter orientações complementares para a entrega dos documentos. Além do e-mail de convocação, enviado para o endereço informado no ato da inscrição, o Estado notifica os universitários via SMS e ligação telefônica. Os estudantes selecionados terão dez dias úteis para a apresentação, a partir do dia 04 de julho. Os convocados que por ventura não se apresentarem dentro do prazo indicado poderão perder direito à vaga.

Em caso de dúvidas, é possível manter contato com a coordenação do programa pelo e-mail [email protected] ou pelo telefone (71) 3115-1714. A convocação contemplou 42 municípios, beneficiando 53 órgãos públicos. Do total de selecionados, 533 são em Salvador e outros 238 estão distribuídos pelo interior do estado, recebendo bolsa-estágio, auxílio transporte e 30 dias de recesso remunerado, proporcionais. O estágio possui duração de um ano, sem possibilidade de prorrogação, exceto para pessoas com deficiência, que poderão estagiar até o fim do seu curso. A carga horária é composta de 4h diárias de atividades supervisionadas, chegando a 20 horas semanais.

Confira quanto cada município recebeu da Bahiatursa para festejos juninos

Terça / 28.06.2022

Por Wilde Barreto / UPB

No total 171 prefeituras foram habilitadas para firmar convênios com o Estado e receber entre R$ 50 mil a R$ 140 mil. (Foto: Divulgação)

O Governo do Estado, por meio da Superintendência de Fomento ao Turismo do Estado da Bahia (Bahiatursa), tornou público o resultado da seleção de projetos que serão apoiados para realização dos Festejos de Santo Antônio, São João e São Pedro, como parte integrante do “São João da Bahia e demais Festas Juninas 2022”, com base no Edital de Seleção Pública, publicado em 28 de maio. No total, 171 municípios foram habilitados e estão aptos à celebração de Convênios de Cooperação Técnica e Financeira para a viabilização das festas.

O valor do apoio varia de R$ 50 mil a R$ 140 mil. O edital engloba eventos a serem realizados de 01 de junho a 02 de julho de 2022. De acordo com o Bahiatursa, a seleção das cidades considerou quesitos como: inovação da oferta de atrativos e serviços turísticos no município ou território; geração de fluxo turístico; integração da economia local ou territorial com a atividade turística e preservação da identidade cultural e natural local como atrativo turístico.


Confira abaixo a lista divulgada dia 28 de maio:
 

Macaúbas: PM apreende caminhão-cegonha que transportava carro roubado

Segunda / 27.06.2022

Por Redação Sertão Hoje

O bloqueio foi feito na BA-156, trecho entre Botuporã e Macaúbas. O caminhão-cegonha vinha de São Paulo. (Foto: Divulgação / 4ª CIPM)

Policiais Militares da 4ª CIPM recuperaram um carro com restrição de furto/roubo na tarde dessa última quinta-feira, 23. Segundo a PM-BA, por volta das 15h45, os policiais que estavam em serviço receberam a informação de que um carro furtado/roubado em São Paulo estava em deslocamento, sento transportado por outro veículo, “devido as características de velocidade do transporte”, sentido Botuporã a Macaúbas. Os PMs se deslocaram para a BA-156, onde realizaram bloqueio a espera do veículo. Momentos depois, dois caminhões-cegonhas foram abordados, sendo que o Chevrolet Onix, cor preta, com placa QOY-0157, estava dentro de um deles. Após a confirmação que esse carro estava com a restrição de furto/roubo, os PMs conduziram o caminhão-cegonha, o veículo e o condutor para à Polícia Civil, na sede da Delegacia Territorial de Macaúbas, que continuará com as investigações.

PM apreende armas e 2 toneladas de drogas em Iramaia

Segunda / 20.06.2022

Por Ascom SSP-BA

5 pessoas foram presas durante a ação conjunta entre policiais militares da CIPE Central e da Polícia Rodoviária Federal. (Fotos: Divulgação SSP)

Cinco homens foram presos, na cidade de Iramaia, ao serem flagrados por militares da Companhia Independente de Policiamento Especializado (CIPE) Central com um fuzil calibre 7.62, duas submetralhadoras calibre .40, quatro carregadores para submetralhadoras e drogas avaliadas em R$16 milhões, escondidas nos veículos em que estavam. O caso ocorreu por volta das 16h30 do domingo (19).

A equipe, em apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF), realizou a abordagem de um veículo Jeep Renegade e um caminhão, estacionados no pátio de um posto de combustível, quando os ocupantes apresentaram excesso de nervosismo e se contradisseram sobre o motivo da viagem e destino. Os PMs localizaram o arsenal dentro do caminhão, juntamente com os 943 comprimidos de ecstasy, 3 mil porções de cocaína, 64kg da mesma droga, 12kg de crack, 2.283 tabletes de maconha e mil pinos com a droga produzida em laboratório através de vários cruzamentos de tipos de maconha, o chamado Skank. Todo material apreendido foi encaminhado à Delegacia Territorial de Jaguaquara, assim como os homens, autuados por tráfico de drogas.

"Ações conjuntas são de suma importância, uma vez que a integração entre as forças de segurança propiciam resultados favoráveis como esses. Essa atuação faz parte das ações preventivas com vistas à Operação São João. A droga, procedente do estado de São Paulo, tinha como destino a região de Santo Estevão e Feira de Santana e certamente iria irrigar o comércio ilegal de drogas nesse período junino", acrescentou o comandante da CIPE Central, major Ricardo José Souza e Silva.

Balanço do Partiu! #Testagem nas escolas baianas revela apenas 1% de positividade para Covid-19

Sexta / 17.06.2022

Por Redação Sertão Hoje

A iniciativa é uma parceria da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) com os municípios. (Foto: Leonardo Rattes/Saúde GovBA)

Novo balanço do projeto Partiu! #Testagem mostrou que apenas 419, das mais 40 mil pessoas que realizaram exames de Covid-19 em 636 escolas da Bahia, testaram positivo, ou seja, apenas 1%. Último levantamento parcial divulgado em 23 de maio revelou 0,7% de positividade. Nesta pesquisa foram consideradas amostras de alunos e funcionários em 512 escolas municipais, 115 estaduais, 8 privadas e 1 universidade de 362 municípios, de 1º de março a 9 de junho. Do total de 40.122 testes rápidos TR-Ag realizados, 38.875 foram descartados.

Dos casos suspeitos, 828 foram descartados por teste laboratorial RT-PCR, 408 confirmados por teste rápido e 11 confirmados via exame RT-PCR. O Partiu! #Testagem foi instituído com o objetivo de identificar, monitorar e isolar casos da Covid-19 na comunidade escolar. A iniciativa é uma parceria da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) com os municípios. A testagem está sendo realizada em funcionários e estudantes da rede pública municipal e estadual, desde que estejam assintomáticos e participando das atividades presenciais.

Doação de Sangue: em 2021, a cada mil brasileiros, apenas 14 foram doadores, o que equivale a 1,4% da população

Quarta / 15.06.2022

Por Luciano Marques / Brasil 61

Segundo a OMS, a recomendação é de que este número esteja entre 1% e 3% da população. O Dia Mundial do Doador de Sangue foi celebrado nesta terça (14). (Foto: Myke Sena / MS)

O Ministério da Saúde lançou a nova Campanha Nacional de Doação de Sangue, com o lema “Você doa e a vida agradece. O João doa e a Fabi agradece”. O evento marcou o Dia Mundial do Doador de Sangue, celebrado nesta terça-feira (14). A ação visa fortalecer a doação em todo o país e sensibilizar a população quanto à importância do ato, que pode salvar a vida de até quatro pessoas em situação de emergência.

Segundo a secretária de Atenção Especializada à Saúde, Maíra Botelho, o Ministério da Saúde precisou lançar mão de um Plano Nacional de Contingência do Sangue para conseguir manter os estoques de sangue e hemoderivados abastecidos durante a pandemia de Covid-19. A ação envolveu, principalmente, o remanejamento de bolsas de sangue entre unidades da federação.

Em 2021, a cada mil brasileiros, apenas 14 foram doadores, o que equivale a 1,4% da população. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a recomendação é de que este número esteja entre 1% e 3% da população para comportar a demanda em todas as regiões. Entre 2020 e 2021, o Ministério da Saúde registrou um aumento de 2,6% de doadores no SUS e a ideia da campanha é que este número continue crescendo. Este ano, até meados de maio, 732 mil bolsas de sangue foram coletadas no Sistema Único de Saúde (SUS).
 

Inscrições para o processo seletivo do Censo Demográfico 2022 terminam nesta quarta (15)

Quarta / 15.06.2022

Por Sophia Stein / Brasil 61

Não haverá taxa de inscrição, então os candidatos interessados, precisam apenas acessar o Portal do IBGE e preencher o formulário virtual. (Foto: Acervo IBGE)

As inscrições para o processo seletivo do Censo Demográfico 2022 se encerram nesta quarta-feira (15). São mais de 48 mil vagas para recenseadores espalhadas por todo o Brasil. Não haverá taxa de inscrição, então os candidatos interessados, precisam apenas acessar o Portal do IBGE e preencher o formulário virtual.

O recenseador representa o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) para a sociedade e entra em contato direto com a população para entrevistar e coletar dados dos moradores da região pela qual ficou responsável.

O nível de escolaridade mínimo requisitado é o ensino fundamental completo. A seleção para o processo não conta com a aplicação de provas. Será feita análise curricular. A taxa de inscrição não será cobrada. A previsão de duração do contrato do recenseador é de até três meses.

A remuneração de um recenseador varia de acordo com a carga horária de trabalho e o grau de dificuldade na abordagem aos domicílios. É possível calcular uma estimativa do valor a receber pelo simulador disponível no site do Censo.

Nascidos em Dezembro recebem o novo saque do FGTS hoje (15); confira o calendário

Quarta / 15.06.2022

Por Redação Sertão Hoje

O governo federal estima que 42 milhões de brasileiros serão beneficiados, com injeção de R$ 30 bilhões na economia. (Foto: Divulgação / CAIXA)

No último dia 17/03, o Governo Federal anunciou a liberação de novos saques do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para trabalhadores com carteira assinada. O governo federal estima que 42 milhões de brasileiros serão beneficiados, com injeção de R$ 30 bilhões na economia.


Qual o valor do saque?

O valor do saque é de até R$ 1.000 por trabalhador, considerando a soma dos saldos disponíveis em suas contas do FGTS. Quem tiver mais de R$ 1.000 nas contas receberá apenas os R$ 1.000. Quem tiver menos de R$ 1.000 receberá todo o valor que estiver no fundo. A consulta pode ser feita pelo aplicativo FGTS ou pelo site oficial.

Valores que estiverem bloqueados na conta do FGTS não poderão ser sacados. É o caso de montantes usados como garantia de empréstimos na modalidade antecipação do saque-aniversário. Se o trabalhador tiver mais de uma conta do FGTS, o saque é feito primeiro das contas relativas a empregos antigos, começando pela conta que tiver o menor saldo, e em seguida as demais contas, iniciando pela que tiver o menor saldo.


Quando posso sacar?

O saque começa em 20 de abril e vai até 15 de junho, com datas que variam conforme o mês de nascimento do trabalhador. Quem perder a data de início do saque não precisa se preocupar: o dinheiro poderá ser retirado até 15 de dezembro deste ano, a partir dessa data o valor voltará à conta de origem, com correção monetária. O prazo final vale para todos.

A CAIXA vai creditar o valor automaticamente em poupanças sociais digitais abertas automaticamente em nome de cada trabalhador. A partir daí, o trabalhador usará o aplicativo Caixa Tem para movimentar o dinheiro, por meio do pagamento de boleto, transferências bancárias, PIX, pagamentos em maquininhas com QR Code, transações com cartão virtual de débito e saque com token em terminais de autoatendimento e lotéricas.


Calendário do novo saque do FGTS

• Nascidos em Janeiro: 20/04 (quarta-feira);
• Nascidos em Fevereiro: 30/04 (sábado);
• Nascidos em Março: 04/05 (quarta-feira);
• Nascidos em Abril: 11/05 (quarta-feira);
• Nascidos em Maio: 14/05 (sábado);
• Nascidos em Junho: 18/05 (quarta-feira);
• Nascidos em Julho: 21/05 (sábado);
• Nascidos em Agosto: 25/05 (quarta-feira);
• Nascidos em Setembro: 28/05 (sábado);
• Nascidos em Outubro: 01/06 (quarta-feira);
• Nascidos em Novembro: 08/06 (quarta-feira);
• Nascidos em Dezembro: 15/06 (quarta-feira).

.

Rui Costa visitou obras da Barragem do Catolé, que abastecerá Vitória da Conquista, Belo Campo e Tremedal; investimento é de R$ 170 milhões

Segunda / 13.06.2022

Por Redação Sertão Hoje

A obra está sendo executada pela Embasa e, de acordo com o governador Rui Costa, a construção deverá ficar pronta no próximo ano. (Fotos: Divulgação / Manu Dias / GovBA)

Na tarde desse último sábado (11), após cumprir agenda no município de Anagé, onde assinou ordens de serviço para o início de um pacote de obras em diversas áreas, o governador Rui Costa (PT) fez um sobrevoo e visitou as obras da Barragem do Rio Catolé para acompanhar o andamento dos trabalhos. A construção conta com um investimento de mais de R$ 170 milhões do Governo do Estado, e tem como objetivo garantir a segurança hídrica para as cidades de Vitória da Conquista, Belo Campo e Tremedal. A obra está sendo executada pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), vinculada à Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (SIHS).

De acordo com o governador, a construção deverá ficar pronta no próximo ano. "Atualmente, a obra está na fase de subida do paredão de concreto, que servirá para o barramento da água. É um investimento total de quase R$ 180 milhões, incluindo ainda uma adutora e uma estação de tratamento. A barragem do Catolé resolverá o problema de abastecimento de água de Vitória da Conquista pelos próximos 70 anos, e beneficiará também o município de Barra do Choça, onde a barragem de Água Fria II poderá ser utilizada, posteriormente, para a irrigação", explicou.

A barragem do Catolé fica no sentido da confluência do Rio Catolé com o Ribeirão Água Fria, formando o Rio Catolé Grande. O equipamento possibilitará o armazenamento de 23,4 bilhões de litros de água, volume quatro vezes maior do que a capacidade de armazenamento da barragem de Água Fria II. O reservatório ocupará uma área total de drenagem da bacia hidrográfica de 761km² de espelho d’água de 160 hectares, com altura do vertedouro de 53 metros e volume máximo normal de 23,73 bilhões de litros (23,73 hectômetros cúbicos) e vazão regularizada de 670 litros por segundo.

Ainda em Vitória da Conquista, o governador visitou as instalações do 9º Batalhão de Ensino, Instrução e Capacitação (BEIC), da Polícia Militar da Bahia (PMBA), onde será construída pelo Governo do Estado uma Areninha Society, com instalação de grama sintética na área do Ginásio Raul Ferraz. O investimento será de mais de R$ 1 milhão.

Mais de 25% das mortes por chuvas no Brasil nos últimos 10 anos ocorreram em 2022

Quinta / 09.06.2022

Por Agência CNM de Notícias

Em 2019 foram registradas 297 mortes devido às chuvas. Os 5 primeiros meses de 2022 já superaram o balanço dos anos anteriores, com 457 mortes. (Foto: © REUTERS / Amanda Perobelli)

Nos últimos 10 anos, as mortes causadas por excesso de chuvas e suas consequências no Brasil somaram 1.756. Apenas em 2022, os óbitos por essa causa já são 457, o que representa mais de 25% do total de mortes em 10 anos. O levantamento da Confederação Nacional de Municípios (CNM), conforme tabela abaixo, considerou o período de 1º de janeiro de 2013 a 31 de maio de 2022.

Antes de 2022, o ano mais letal por chuvas no país era 2019, com 297 mortes registradas. Seguido por 2021 quando foram notificados 290 óbitos e 2020, com 216. Apenas os cinco primeiros meses de 2022 já superaram o balanço dos anos anteriores em mortes. Os dados foram coletados no Sistema Integrado de Informações Sobre Desastres do Ministério do Desenvolvimento Regional (S2ID/MDR).

Intensificados nos últimos anos, os desastres por chuvas são registrados todos os anos no Brasil sem que haja de fato uma estratégia em busca de uma solução definitiva. Para o presidente da CNM, a falta de recursos para prevenção no orçamento de desastres do país é um dos principais motivos para a recorrência dos problemas. “Com a redução cada vez maior de verba para prevenção, ano após ano, em todo governo, o resultado é que, na prática, só se atua na resposta, com grande peso para as prefeituras”, avalia.

A entidade municipalista destaca que os Municípios não têm capacidade técnica e financeira para atuarem sozinhos. A Lei 12.608/2012, do Sistema Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sinpdec), prevê também responsabilidades da União e dos Estados para redução dos riscos de desastres.

Estudo da Confederação sobre desastres naturais, publicado em abril, mostrou que de 2010 a 2021 foram autorizados no orçamento federal R$ 36,5 bilhões para ações de gestão de risco, prevenção, respostas a desastres e recuperação de áreas destruídas e ou danificadas. No entanto, nesse período, a União pagou somente R$ 15,3 bilhões, ou seja, menos da metade. O valor para prevenção, porém, é mínimo. Para exemplificar, em 2020, apenas R$ 211 mil foram destinados pela União para ações de prevenção.

Os dados foram coletados pela CNM no Sistema Integrado de Informações Sobre Desastres do Ministério do Desenvolvimento Regional (S2ID/MDR). (Foto: Divulgação / CNM)

Rui Costa avalia como irresponsáveis as medidas do Governo Federal em relação aos preços dos combustíveis

Quarta / 08.06.2022

Por Redação Sertão Hoje

“Não posso concordar em tirar dinheiro da saúde, segurança e educação para garantir altos lucros de companhias de petróleo.” (Foto: Divulgação)

“Não posso concordar em tirar dinheiro da saúde, segurança e educação para garantir altos lucros de companhias de petróleo”, diz o governador da Bahia, Rui Costa (PT-BA), ao avaliar como irresponsáveis as medidas do governo Bolsonaro sobre combustíveis. A declaração foi dada em audiência com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-BG), nesta quarta-feira (08), em Brasília. Rui avalia que a proposta do presidente da República, Jair Bolsonaro (PL-RJ), para diminuir o preço dos combustíveis "quebrará" os estados, se aprovada pelo Congresso Nacional, e que se trata de uma artimanha com fins eleitoreiros.

No início desta semana (06), o presidente Bolsonaro anunciou que espera a aprovação da proposta de emenda constitucional (PEC) que autoriza os estados a zerarem o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) que incide sobre o óleo diesel e o gás de cozinha (GLP) e aguarda ainda a aprovação do projeto de lei que limita a alíquota do ICMS sobre combustíveis, energia, gás natural, comunicações e transportes coletivos. Esse projeto (PLP18), já aprovado pela Câmara e recém-chegado ao Senado, prevê que a alíquota do ICMS para os setores mencionados, como combustíveis, seja fixada em um patamar máximo de 17%.

Para o governador baiano essa equação não fecha e causará uma tragédia na prestação de serviços públicos e no pagamento de servidores em todos os estados brasileiros. “A Bahia teria de abrir mão de R$ 5 bilhões. Como posso concordar com isso? Eu tenho que pagar salário de policial, de professor, comprar remédios para os hospitais todo mês. Sem essa receita, a conta não fecha. E o governo federal sabe bem disso”, diz Rui, destacando ainda que uma saída eficaz e compromissada com a vida dos brasileiros para a queda do preço dos combustíveis seria usar as margens e os lucros extraordinários das companhias que comercializam petróleo, convertendo-os em recursos para a saúde e educação. “Vários países desenvolvidos do mundo fazem controle dos preços dos combustíveis. No Brasil, quer se retirar recursos da saúde, da educação, do pagamento dos policiais, de professores para se garantir altos lucros das companhias de petróleo. Eu não posso concordar com isso.”

A mesma linha de raciocínio é seguida pelos demais governadores do país. Na audiência com Pacheco, eles lembraram que a Petrobras, somente no primeiro trimestre deste ano, registrou um lucro de R$ 48 bilhões. O governador Rui Costa entende que se trata de um "cheque sem fundos" à população. “Não dá para entender o que está acontecendo com o nosso país, castigando o povo pobre para garantir lucros gigantescos para quem comercializa e produz petróleo. É uma inversão de valores”, afirma.

“Não posso concordar em tirar dinheiro da saúde, segurança e educação para garantir altos lucros de companhias de petróleo.” (Foto: Divulgação)

Mais de 33 milhões de pessoas passam fome no Brasil, diz pesquisa

Quarta / 08.06.2022

Por Bahia Notícias

(Foto: Agência Brasil)

A pesquisa feita pela Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (Rede Penssan), divulgada nesta quarta-feira (08), aponta que o número de pessoas no país que passam fome aumentou.

Segundo o levantamento, no fim de 2020, 19,1 milhões de brasileiros não tinham o que comer e em 2022, são 33,1 milhões. O estudo faz parte do O 2º Inquérito Nacional sobre Insegurança Alimentar no Contexto da Pandemia da Covid-19 no Brasil e reuniu dados entre novembro de 2021 e abril de 2022, com 12.745 domicílios visitados, em áreas urbanas e rurais de 577 municípios, entre os 26 estados e Distrito Federal. O levantamento mostrou que 41,3% das casas se encontravam dentro do patamar de segurança alimentar, enquanto em 28% havia incerteza em relação ao acesso aos alimentos.

Ainda de acordo com a pesquisa, a restrição quantitativa aos alimentos existia em 30,1% dos domicílios. Desses, 15,5% convivem em insegurança alimentar grave. Em termos absolutos, significa dizer que 125,2 milhões de brasileiros sofrem com a insegurança alimentar, enquanto mais de 33 milhões vivem em situação de fome.

A maior parte das pessoas nesta situação vivem na região norte (25,7%) e nordeste (21%). 43% das famílias que passam fome vivem com renda per capita de até 1/4 do salário mínimo. A insegurança familiar grave atinge mais as casas que têm como chefes mulheres ou pessoas de cor preta ou parda.