Sertão Hoje

Sertão Hoje

Resultado da busca pela categoria "brasil"

CAIXA lança site e aplicativo para solicitar auxílio emergencial de R$ 600

Terça / 07.04.2020

Por Redação Sertão Hoje

A Caixa Econômica Federal disponibilizou, nesta terça-feira (07), o site auxilio.caixa.gov.br e o aplicativo Caixa Auxilio Emergencial, por meio do qual informais, autônomos e MEIs podem solicitar o auxílio emergencial de R$ 600.

>> BAIXE AQUI O APP PARA ANDROID;
>> BAIXE AQUI O APP PARA IOS.

Para requerer o Auxílio emergencial é preciso se enquadrar em uma das condições abaixo:

• ser titular de pessoa jurídica (Micro Empreendedor Individual, ou MEI);
• estar inscrito Cadastro Único (CadÚnico) para Programas Sociais do Governo Federal até o último dia dia 20 de março;
• cumprir o requisito de renda média (renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa, e de até 3 salários mínimos por família) até 20 de março de 2020;
• ser contribuinte individual ou facultativo do Regime Geral de Previdência Social.

Além disso, todos os beneficiários deverão:

• ter mais de 18 anos de idade;
• ter renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa (R$ 522,50);
• ter renda mensal até 3 salários mínimos (R$ 3.135) por família;
• não ter recebido rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2018.

A mulher que for mãe e chefe de família, e estiver dentro dos demais critérios, poderá receber R$ 1,2 mil (duas cotas) por mês. Na renda familiar, serão considerados todos os rendimentos obtidos por todos os membros que moram na mesma residência, exceto o dinheiro do Bolsa Família.

MEC autoriza formatura antecipada de estudantes de Medicina, Enfermagem, Farmácia e Fisioterapia

Segunda / 06.04.2020

Por Redação Sertão Hoje

A medida tem caráter excepcional, valerá enquanto durar a situação de emergência na saúde pública e servirá exclusivamente para atuação no combate ao coronavírus.

Estudantes de Medicina poderão se formar ao concluir 75% do internato e alunos de Enfermagem, Farmácia e Fisioterapia, no momento em que cursarem a mesma porcentagem do ensino curricular obrigatório. A medida tem caráter excepcional, valerá enquanto durar a situação de emergência na saúde pública e servirá exclusivamente para atuação no combate ao novo coronavírus (covid-19). A autorização do Ministério da Educação (MEC) consta em portaria publicada na edição desta segunda-feira (06), do Diário Oficial da União (DOU), e abrange o sistema federal de ensino. Este engloba, entre outros, as instituições de ensino mantidas pela União e as instituições privadas de educação superior. "O objetivo dessa medida é reforçar o combate à pandemia do novo coronavírus. Permitir que mais profissionais possa atuar nessa situação de emergência é imprescindível", destacou o secretário de Educação Superior do MEC, Wagner Vilas Boas de Souza.

A carga horária dedicada no combate à pandemia deverá ser computada pelas instituições de ensino para complementar o estágio curricular obrigatório. A Universidade Aberta do Sistema Único de Saúde (UNA-SUS) deverá emitir certificados das participações dos profissionais. A atuação dos profissionais é considerada de caráter relevante e deverá ser bonificada, uma única vez, com o acréscimo de 10% na nota final do processo de seleção pública para o ingresso nos programas de residência. O Ministério da Saúde será responsável pela seleção e alocação, no combate à disseminação da Covid-19, dos médicos, enfermeiros, farmacêuticos e fisioterapeutas formados de forma antecipada. 

Para Barroso eleições municipais não devem ser adiadas para 2022; decisão deve sair até junho

Segunda / 06.04.2020

Por Redação Sertão Hoje

Essa medida evitaria que mandatos sejam estendidos além do tempo concedido pelo voto popular. (Foto: Divulgação / Carlos Moura / STF)

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deve decidir até junho se adia ou não as eleições municipais deste ano. A afirmação foi do futuro presidente do órgão, o ministro Luiz Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Em entrevista na manhã desta sexta-feira (06) ao colunista do UOL Josias de Souza, ele disse que, se houver adiamento do pleito devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19), pretende remarcar a votação para dezembro, no máximo. Para o ministro, o ideal seria adiar "por um prazo máximo de dois meses" as eleições deste ano. "Neste momento, com a esperança de não ser necessário adiar, é fazer até o início de dezembro", disse Barroso. Para ele, essa medida evitaria que mandatos sejam estendidos além do tempo concedido pelo voto popular. Para Barroso, unir as eleições municipais e nacionais em 2022 criaria trabalho enorme para a Justiça Eleitoral julgar, ao mesmo tempo, milhares de registros de candidatos a vereador, prefeito, deputado, senador, governador e presidente. “Estamos estimando 750 mil candidatos entre prefeitos e vereadores. Se você juntar isso a milhares de candidatos nas eleições nacionais vai criar um inferno gerencial nestas eleições", destacou o Barroso.

Secretário da Saúde Fábio Villas-Boas diz que novos respiradores comprados na China virão pela Argentina

Domingo / 05.04.2020

Por Redação Sertão Hoje

Equipamentos devem chegar no dia 20 de abril. 'Tenho a esperança forte de não ser sabotado nesse processo de respiradores', disse Fábio Vilas-Boas.

O secretário estadual de Saúde Fábio Vilas-Boas disse, nesta sexta-feira (03), que os novos respiradores artificiais comprados pelo Consórcio do Nordeste na China vão chegar ao estado pela Argentina, no dia 20 de abril. A primeira compra do material foi cancelada pela empresa chinesa que produz o equipamento. "Lamentavelmente, esses equipamentos, em função de um decreto de proteção editado pelo presidente Trump, ele impede as empresas americanas de exportarem equipamentos para outros países, ainda que os equipamentos tenham apenas passado pelos Estados Unidos, hoje eles têm feito um sequestro de equipamentos", disse Fábio Vilas-Boas.

Segundo Vllas-Boas, o único lugar que vende os respiradores artificiais é a Ásia e o material precisa ser enviado via Oriente Médio ou Argentina para não ser impedido de chegar ao Brasil. "Então, lamentavelmente, hoje para você conseguir trazer equipamentos da Ásia, que é o único lugar que vende, a Europa não está vendendo mais nada, Estados Unidos não vendem nada, você tem que buscar a rota via Oriente Médio ou rotas transpolares pelo sul, via Argentina, para não ter que passar pelos Estados Unidos", contou.

Na quarta-feira (1º), o ministro Henrique Mandetta também afirmou que a concorrência com outros países fez com que fornecedores de equipamentos na China cancelassem contratos de venda de equipamentos médicos, incluindo máscaras e respiradores. O ministério tinha a previsão de distribuir 200 milhões de equipamentos de proteção individual (EPI), mas a entrega foi cancelada pelos fornecedores chineses. Mandetta afirmou que há países que cobrem ofertas para levar a produção já contratada por outros. "Hoje os Estados Unidos mandaram 23 aviões cargueiros para a China para levar o material que eles adquiriram. As nossas compras, que nós tínhamos expectativa de concretizá-las para poder fazer o abastecimento, muitas caíram", disse o ministro.

Fonte: G1.

Governo da Bahia prorroga suspensão de transporte intermunicipal em 49 municípios até dia 15

Sábado / 04.04.2020

Por Redação Sertão Hoje

Também foi prorrogado até 15 de abril a circulação, saída e chegada de ônibus interestaduais, em todo território do Estado da Bahia.

O Governo do Estado da Bahia publicou, no Diário Oficial (DOE) deste sábado (04), decreto que prorroga a suspensão do transporte intermunicipal em municípios da Bahia até o dia 15 de abril. A medida, que tem como objetivo conter o avanço da contaminação por coronavírus (covid-19) na população baiana, estava programada até 5 de abril, mas foi estendida por mais 10 dias por determinação do governador Rui Costa. Também foi prorrogado até 15 de abril a circulação, saída e chegada de ônibus interestaduais, em todo território do Estado da Bahia.

Na publicação de hoje, o governador restringiu o transporte intermunicipal em mais cinco municípios: Conde, Uruçuca, Itapetinga, Conceição do Coité e Utinga, onde o decreto passa a vigorar a partir deste domingo (05). Já são 49 municípios com o transporte suspenso na Bahia: Salvador, Feira de Santana, Porto Seguro, Prado, Lauro de Freitas, Simões Filho, Vera Cruz, Itaparica, Itabuna, Ilhéus, Itacaré, Camaçari, Luís Eduardo Magalhães, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Guanambi, Vitória da Conquista, Santa Maria da Vitória, Correntina, Entre Rios, Jequié, Brumado, Conceição do Jacuípe, Juazeiro, Teixeira de Freitas, Nova Soure, São Domingos, Canarana, Ipiaú, Itagibá, Itamaraju, Itororó, Pojuca, Dias D’Ávila, Alagoinhas, Barra, Candeias, Coaraci, Itajuípe, Medeiros Neto, Santa Cruz Cabrália, Barra do Rocha, Eunápolis, Belmonte, Conde, Uruçuca, Itapetinga, Conceição do Coité e Utinga.

Ficam suspensas nesses municípios a circulação, a saída e a chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans. Em algumas cidades sem casos de coronavírus, o sistema de transporte intermunicipal foi suspenso porque está integrado ao de municípios com registros da doença.

Coronavírus: Governo recomenda que todos utilizem máscara ao sair de casa; veja o vídeo e aprenda a produzir sua própria máscara

Sábado / 04.04.2020

Por Redação Sertão Hoje

Quem não encontrar o produto para vender nas farmácias ou casas especializadas pode confeccionar a própria máscara, em casa, seguindo as instruções do vídeo abaixo.

O governador Rui Costa e o secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas, destacaram a importância do uso de máscaras para sair de casa, como forma efetiva de prevenção à transmissão do novo coronavírus (Covid-19). Quem não encontrar o produto para vender nas farmácias ou casas especializadas pode confeccionar a própria máscara, em casa, seguindo as instruções do vídeo abaixo, disponibilizado pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab).

No mesmo vídeo, estão contidas informações de segurança sobre a forma correta de se utilizar a máscara artesanal. “Fica aí a nossa sugestão, o nosso pedido. Vocês que são empresários, comprem máscaras e entreguem para todos os seus atendentes. Fica aí a recomendação para todos os supermercados, grandes ou pequenos, que estão abertos”, disse Rui Costa, sugerindo ainda que “os bancos, por exemplo, podem e devem disponibilizar máscaras para todos que entrarem nos estabelecimentos. Fica também a nossa solicitação para as empresas públicas e privadas, que tomem as medidas de segurança.”

Rui destacou, ainda, que produzir as próprias máscaras não é difícil, e as pessoas podem seguir as instruções presentes no site da Secretaria da Saúde. “Quando eu estou falando aqui, às vezes a gente não vê, mas a gente expele gotículas de saliva que vão a até dois metros de distância. Então, se eu uso a máscara, essa gotícula já não sai e não contamina quem está na minha frente”, explicou. Outra vantagem das máscaras feitas em casa é que podem ser reutilizadas. “Após usar, tire a máscara, coloque de molho com água e bastante sabão, e lave bem as mãos”, ressaltou Rui Costa.

O secretário Fábio Vilas-Boas destacou que, nos hospitais, a função da máscara é proteger o campo cirúrgico. “Quem está usando a máscara está evitando emitir gotículas e secreção respiratória no próximo e, se o próximo também estiver de máscara, ele também está te protegendo”. Também segundo Vilas-Boas, um bom exemplo são os transportes públicos. “Se você está de máscara, no metrô, ou no ônibus, e outra pessoa tosse, você tem pelo menos 50% a mais de garantia, com o nariz e a boca protegidos. Quem usa lentes de contato, é melhor optar por óculos, para proteger os olhos”.

Câmara dos Deputados aprova projeto que adia pagamento de contribuição previdenciária de empresas por até 3 meses

Sexta / 03.04.2020

Por Daniel Marques / AGR+

Agora, os patrões podem postergar o repasse obrigatório para a Previdência Social, incluído na Contribuição Patronal Previdenciária. (Foto: Cleia Viana / Câmara dos Deputados)

A Câmara dos Deputados aprovou a PL 985/20 que permite o adiamento do pagamento da contribuição previdenciária das empresas por até três meses. O projeto faz parte do pacote de medidas voltadas ao enfrentamento das consequências econômicas causadas pelo novo coronavírus. Com isso, os patrões podem postergar o repasse obrigatório de cada funcionário para a Previdência Social, incluído na Contribuição Patronal Previdenciária (CPP).  Atualmente, esses recursos que custeiam as aposentadorias são transferidos pelo empregador todo mês.

O PL 985/20 estabelece que o prazo desses pagamentos seja esticado por 60 dias, caso a empresa queira, e prorrogados por mais 30 pelo governo federal. Após três meses, o empresário pode pagar o valor adiado sem juros e multas até o décimo dia útil do terceiro mês seguinte à data em que a lei for publicada. Outra opção é o pagamento em 12 parcelas, com o valor reajustado pela taxa básica de juros (Selic). Para aderir ao modelo, o empresário precisa se comprometer a manter o número de funcionários empregados que tinha em fevereiro, durante todo o período em que o benefício estiver ativo. “A gente vai conseguir atender a todos, inclusive o pagamento do imposto patronal, que é assustador para quem quer manter seus empregados. Então, quem não está demitindo vai ter essa forcinha. Estamos fazendo de tudo para que o Brasil volte a funcionar a todo vapor”, comenta o relator do projeto, deputado federal Luis Miranda (DEM-DF).

O texto aprovado na Câmara cria o Regime Tributário Emergencial (RTE-Covid19), que isenta por dois meses o pagamento de outras obrigações fiscais, como a Declaração de Imposto de Renda de Pessoa Física (DIRPF) e Declaração de Informações Socioeconômicas e Fiscais (DEFIS). Os 60 dias se aplicam a partir da publicação da futura lei, e o empregador que aderir poderá pagar o acumulado sem juros e multa de mora até o dia 20 do segundo mês seguinte ao da publicação. Se o projeto virar lei em abril, o pagamento poderá acontecer em junho. A proposta aprovada na forma de substitutivo exclui a suspensão da cobrança de juros, multas e outros encargos por atraso no pagamento de tributos federais e de financiamentos e empréstimos feitos por pessoas físicas e jurídicas. Além disso, a redação original do substitutivo previa três meses diretos. A pedido do líder do governo, deputado Vitor Hugo (PSL-GO), a suspensão será por dois meses, prorrogável por mais um mês pelo Executivo.
.

Agora, os patrões podem postergar o repasse obrigatório para a Previdência Social, incluído na Contribuição Patronal Previdenciária. (Foto: Cleia Viana / Câmara dos Deputados)

Bahia receberá do Ministério da Saúde mais de 31 mil testes rápidos para detecção do Coronavírus

Quarta / 01.04.2020

Por Redação Sertão Hoje

Mais 4,5 milhões serão entregues, de acordo com a Vale, que comprou o material e os doou ao governo federal. (Foto: Divulgação / Vale)

A Bahia receberá 31.634 kits de testes rápidos do Coronavírus (Covid-19), segundo o Ministério da Saúde. O material faz parte dos quase 500 mil kits que chegaram ao Brasil na última segunda-feira (30) e serão distribuídos entre os estados e o Distrito Federal.

A Bahia é o 4º estado que receberá a maior quantidade de testes rápidos. São Paulo, com o recebimento de mais de 106 mil testes, lidera a lista, seguido por Minas Gerais (aproximadamente 50 mil) e Rio de Janeiro (cerca de 37 mil). Ainda não há informações de quando os kits chegarão à Bahia. Mais 4,5 milhões de unidades serão entregues ao longo do mês de abril, de acordo com a Vale, que comprou o material e os doará ao governo brasileiro, que cuidará da sua logística de distribuição no país.

O teste, produzido pela empresa chinesa Wondfo, possui registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e permite ter um resultado em apenas 15 minutos. Os testes realizados atualmente na Bahia demoram alguns dias para dar resultado. "O Brasil inteiro está fazendo o teste de RT-PCR, é um teste de bancada, feito dentro do Laboratório Central do Estado. Não é um exame que faz na mesma hora. Isso não está sendo feito ainda. Todos os estados têm a mesma dificuldade de ter acesso a esse exame, que é complexo e demorado. Um exame desse demora pelo menos quatro horas entre checagem das amostras e a conclusão do resultado. Por isso eu digo que não é pouca a checagem", explicou Fábio Villas-Boas, secretário da saúde da Bahia.

Morre jurista e deputado federal Luiz Flávio Gomes

Quarta / 01.04.2020

Por Redação Sertão Hoje

Flávio Gomes também comandava o movimento “Quero um Brasil Ético, além de ser colunista do site Sertão Hoje. (Foto: Reprodução / Migalhas)

Faleceu, nesta quarta-feira (01), o deputado federal e jurista, Luiz Flávio Gomes. Em 2019, LFG, como também era conhecido, anunciou seu afastamento da Câmara dos Deputados após ser diagnosticado com leucemia. Luiz Flávio Gomes também comandava o movimento “Quero um Brasil Ético, além de ser colunista do site Sertão Hoje – confira aqui todas as colunas de LFG

Luiz Flávio Gomes nasceu em 6 de maio de 1957, na cidade de Sud Mennucci (SP). Graduou-se em Direito pela Faculdade de Direito de Araçatuba em 1979, tornou-se mestre em Direito Penal pela Universidade de São Paulo em 1989 e doutor em Direito Penal pela Universidade Complutense de Madri, em 2001. Foi professor de Direito Penal e Processo Penal em vários cursos de pós-graduação, dentre eles o da Facultad de Derecho de la Universidad Austral em Buenos Aires, Argentina, e da UNISUL, de Santa Catarina. Foi professor honorário da Faculdade de Direito da Universidad Católica de Santa María, em Arequipa, no Peru.

Luiz Flávio Idealizou e fundou a rede de ensino LFG, em 2003, a primeira em formato telepresencial, no Brasil. A rede foi vendida para a Anhanguera, em 2008.  Além da atuação acadêmica, Luiz Flávio foi policial civil, delegado de polícia em 1980, promotor de Justiça em São Paulo de 1980 a 1983, juiz de Direito em São Paulo de 1983 a 1998, e advogado de 1999 a 2001. Também atuou como individual expert observer do X Congresso da ONU, realizado em Viena de 10 a 17 de abril de 2000, membro e consultor da delegação brasileira no décimo período de sessões da Comissão de Prevenção do Crime e Justiça Penal da ONU, em 2001, e secretário geral do Instituto Panamericano de Política Criminal.

Prefeitos solicitam ao governador Rui Costa recursos para enfrentar o Coronavírus

Quarta / 01.04.2020

Por Redação Sertão Hoje

O governo federal repassou R$ 600 milhões aos estados para custeio de ações contra a Covid-19, dos quais cabem aos municípios o recebimento mínimo de R$ 2 per capita.

Por meio de ofício, os prefeitos baianos, através da União dos Municípios da Bahia (UPB), solicitaram ao governador Rui Costa o repasse de recursos para medidas emergenciais de enfrentamento ao Coronavírus. De acordo com a portaria publicada pelo Ministério da Saúde em 23 de março, o governo federal repassou R$ 600 milhões aos estados brasileiros para custeio de ações contra a Covid-19, dos quais cabem aos municípios, por meio da pactuação da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), o recebimento mínimo correspondente a R$ 2 per capita, que podem ser transferidos fundo a fundo para as prefeituras. A UPB ressalta que o pleito pelo repasse é da maioria dos municípios baianos e que o prefeito que optar pela gestão estadual do recurso encaminhará ofício ao governador expressando a intenção.

CAIXA inicia pagamento do saque-aniversário do FGTS

Quarta / 01.04.2020

Por Redação Sertão Hoje

Ao todo, esses trabalhadores receberão mais de R$ 896,4 milhões, que serão disponibilizados na data escolhida no momento da adesão.

A CAIXA inicia, nesta quarta (01), o pagamento do Saque-Aniversário aos mais de 530 mil trabalhadores nascidos em janeiro e fevereiro que optaram por essa nova modalidade de saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) até o último dia do mês de seu aniversário. Ao todo, esses trabalhadores receberão mais de R$ 896,4 milhões, que serão disponibilizados na data escolhida no momento da adesão: no dia 01 de abril serão disponibilizados R$ 367,5 milhões a 243,9 mil trabalhadores. Já no dia 13 de abril, 286,2 mil trabalhadores terão disponíveis R$ 528,9 milhões. A diferença é que, ao optar pelo 10º dia, o valor contemplará juros e atualização monetária do mês de recebimento.

Dos trabalhadores que receberão os valores em abril, 76% optaram pelo crédito em conta bancária quando da opção pelo Saque-Aniversário, sem qualquer tarifa. Os que não indicaram uma conta bancária poderão fazer o recebimento dos valores nos terminais de autoatendimento da CAIXA ou nas casas lotéricas, mas ainda podem mudar de ideia e optar pelo crédito em conta. Para os nascidos em janeiro e fevereiro que registraram a opção pelo Saque-Aniversário do FGTS até o último dia do mês de seu aniversário e não indicaram uma conta bancária para receber os valores, ainda podem voltar no App FGTS e cadastrar uma conta de qualquer banco, até o dia 23 de junho. O crédito na conta indicada será feito em até 5 dias úteis após esse cadastramento, sem nenhum custo e sem necessidade de deslocamento do trabalhador. Caso o recebimento dos valores não seja efetuado até o dia 30 de junho, eles voltam para as contas do FGTS devidamente corrigidos pelas mesmas regras do Fundo.

Inep publica editais do Enem digital e impresso; confira

Terça / 31.03.2020

Por Redação Sertão Hoje

As provas do Enem 2020 serão aplicadas em 11 e 18 de outubro na versão digital e nos dias 1º e 8 de novembro na versão impressa.

As provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 serão aplicadas em 11 e 18 de outubro na versão digital e nos dias 1º e 8 de novembro na versão impressa. As inscrições para ambas deverão ser realizadas de 11 a 22 de maio. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), vinculado ao Ministério da Educação (MEC) e responsável pela aplicação do exame, publicou os dois editais nesta terça-feira (31). O do Enem Digital saiu com as datas de prova erradas e será retificado, informou o MEC.

> CONFIRA O EDITAL DO ENEM IMPRESSO;

> CONFIRA O EDITAL DO ENEM DIGITAL.

O participante que optar por fazer o Enem 2020 impresso não poderá se inscrever na edição digital. O valor da taxa de inscrição é de R$ 85, que deve ser pago até 28 de maio, em qualquer banco, lotérica ou agência dos Correios. Neste ano, será obrigatória a inclusão de foto atual do participante no sistema de inscrição, que poderá ser utilizada para procedimento de identificação.

A implantação do Enem digital terá início neste ano, de forma progressiva. No primeiro ano do projeto, até 100 mil pessoas poderão fazer a prova no novo modelo. A previsão é que a consolidação da prova digital seja feita até 2026.  Serão disponibilizadas 100 mil inscrições para os primeiros participantes que optarem pela edição digital. A estrutura do exame será igual à da versão impressa. As respostas serão divulgadas em 29 de maio. Para os pedidos que forem negados, está prevista uma fase para apresentação de recursos. O resultado final estará disponível em 10 de junho.

> CLIQUE AQUI E SE INSCREVA.

500 mil kits para testar novo coronavírus chegam ao Brasil

Terça / 31.03.2020

Por Rafael Secunho / AGR+

Os testes vêm da China e são apenas uma primeira remessa de um lote de 5 milhões. (Foto: IOC / Fiocruz)

O Ministério da Saúde anunciou, nesta segunda-feira (30), a chegada de 500 mil kits para a testagem do novo coronavírus (covid-19) em todo o País. Esses kits são de testes rápidos, exames sorológicos e aplicados a partir do sétimo dia do início dos possíveis sintomas da doença. Segundo o balanço sobre a Covid-19 divulgado nesta segunda pelo ministério, o Brasil soma 4.579 casos da doença e 159 óbitos. A taxa de letalidade é de 3,5%.

O ministro Luiz Henrique Mandetta explica que o teste é feito a partir dos anticorpos da pessoa e será usado inicialmente em profissionais de saúde e da segurança. A ideia do governo é de que estes profissionais, que estão linha de frente do atendimento à população, recebam o diagnóstico e tenham a oportunidade de retornar, de forma segura, as suas atividades, que são consideradas essenciais. Segundo o ministério, o teste rápido é indicado apenas entre o sétimo e décimo dia do início dos sintomas, como febre e tosse. Não é recomendado para uso em toda a população, como explica Mandetta. “Não pensem em chegar e falar assim: ‘eu vou lá pra ver saber se eu já tive’. Esse teste será fundamental para saber se aquela enfermeira, aquele médico que está com uma gripe testou positivo no sétimo dia. Então, separá-la e tratar da maneira adequada”, diz.

Os testes vêm da China e são apenas uma primeira remessa de um lote de 5 milhões. O Ministério da Saúde informou que já distribuiu para laboratórios públicos de todo o país mais de 54 mil testes de biologia molecular. Este tipo de teste identifica o vírus que provoca o coronavírus logo no início, ou seja, no período em que ainda está agindo no organismo. O uso desses testes é feito para diagnosticar casos graves internados. Para esta semana está prevista a entrega pela Fiocruz ao Ministério da Saúde de outros 40 mil testes. Em meio às medidas para controlar a disseminação da doença, Mandetta destacou que o País não deverá ter uma epidemia ao mesmo tempo em vários estados. Os maiores riscos, segundo ele, são em São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará e Distrito Federal, que concentram maiores números de casos confirmados.
.

SENAI vai oferecer 100 mil vagas gratuitas em cursos à distância durante pandemia do coronavírus

Segunda / 30.03.2020

Por Marquezan Araújo / AGR+

O objetivo é de que as pessoas aproveitem essa janela para enriquecer o currículo e tenham mais segurança de permanecer nos empregos após a crise. (Foto: Arquivo / EBC)

Com o avanço da pandemia do novo coronavírus no Brasil, a população foi orientada pelo poder público a evitar sair de casa sem necessidade. Para que o isolamento social seja uma oportunidade de se capitar educacional e profissionalmente, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) tem ofertados vagas gratuitas em cursos a distância voltados à indústria 4.0. Divididos em módulos, eles incluem temas ligados à tecnologia, como Blockchain, Lean Manufacturing e BIM (Building Information Modeling).

O objetivo, segundo o diretor de Educação e Tecnologia da CNI, Rafael Lucchesi, é que as pessoas de todas as idades aproveitem essa janela para enriquecer o currículo e tenham mais segurança de permanecer nos empregos após a crise. “O SENAI tem uma plataforma de educação à distância, com repositório de material e tudo isso com realidade aumentada. Além disso, há a disponibilização de kits simuladores à distância que propiciam esse aprendizado por meio da plataforma digital”, explica Lucchesi.

A ideia é que, até junho, sejam oferecidas mais de 100 mil vagas. Para ter acesso aos cursos, que têm mais de 20 horas de duração, é só acessar a plataforma Mundo SENAI. Além dos cursos à distância, o SENAI disponibilizou livre acesso a grande parte de seu material. Na Estante Virtual de Livros Didáticos, os interessados poderão ter acesso a livros referentes a cursos de 32 áreas tecnológicas, 32 cursos técnicos e 83 qualificações básicas. São mais de 1.150 volumes disponíveis, que também podem ser acessados pelo aplicativo Livros SENAI, disponíveis no Google Play e App Store.
.

Coronavírus: Ministério da Saúde quer aumentar realização de testes diários de 6,7 mil para 50 mil

Domingo / 29.03.2020

Por Redação Sertão Hoje

“Na próxima semana vamos anunciar uma parceria com a maior rede de laboratórios da América Latina, que vai nos ajudar a contribuir na realização de testes em grande volume”.

A intenção do Ministério da Saúde é de realizar em todo o Brasil 50 mil testes para o novo coronavírus por dia. “Nós precisamos produzir de 30 a 50 mil testes por dia, para poder colocar as pessoas de volta na rua. Na medida em que eu sei que já tive coronavírus e que eu passei o meu sintoma, não tem a necessidade de ficar em isolamento”, defendeu o secretário de Vigilância em Saúde no Ministério da Saúde, Wanderson Oliveira, durante coletiva na tarde desta sexta-feira (27). “Assim Alemanha, EUA e Coréia fizeram ou estão fazendo. Na próxima semana vamos anunciar uma parceria com a maior rede de laboratórios da América Latina, que vai nos ajudar a contribuir na realização de testes em grande volume”, antecipou Wanderson.

O secretário explicou que a partir da semana que vem a pasta vai aumentar a realização de testes rápidos na Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Ele também afirmou que atualmente a capacidade máxima de todos os laboratórios do Brasil é de 6,7 mil testes por dia.